Notícias

Ela não sabia que estava grávida e deu à luz no meio da noite com ajuda da filha adolescente

Nicola Thomas acordou com dores e entrou em estado de parto sem saber que estava grávida

Nicola Thomas, de 36 anos moradora de Cardiff, País de Gales, percebeu que com fortes dores e atribui o desconforto à menstruação, que continuava descendo normalmente. Ela tomou um remédio para aliviar a dor e continuo com sua rotina. Contudo, no dia 15 de março, ela acordou as 3 da manhã com dores e decidiu ir até o banheiro.

De acordo com o que relatou o portal “Wales Online”, ela percebeu que não conseguiria chegar até o cômodo e sentiu uma pressão para empurrar algo da sua vagina. “Eu apenas coloquei minhas mãos lá e senti a cabeça do bebê”, explicou.

Nicola pediu para sua outra filha acordar sua irmã Ellis, de 14 anos, para ajudar no parto. “Ela deu à luz o bebê, verificou se o cordão não estava enrolado no pescoço. Espero que ela seja parteira agora quando for mais velha”, disse.

Após o parto, uma ambulância foi acionada e chegou rapidamente à casa, onde os paramédicos também compartilharam sua descrença com o nascimento surpresa. “Eu simplesmente não tinha ideia. Com as outras duas [gestações] eu estava tão mal - eu tive enjoos matinais, eu estava muito doente com as duas primeiras, e desta vez nada. Estou ficando com minha mãe esta semana apenas me acostumando com isso, tendo uma criança de três anos indo e voltando para o berçário também”, disse.

NOTÍCIAS

Virgínia Fonseca surpreende seguidores ao mostrar foto do seu primeiro ultrassom

Esta mulher decidiu fazer seu marido vivenciar como é estar grávida e viralizou

Ela pediu uma redução de mama, mas acabou com implantes mamários, abdominoplastia e lipoaspiração

⋅ ⋅ ⋅

Siga e compartilhe

Você gostou deste conteúdo? Então siga a NOVA MULHER nas redes sociais para acompanhar mais novidades e ter acesso a publicações exclusivas: estamos no Twitter, no Instagram e no Facebook.

Aproveite e compartilhe os nossos textos através das redes sociais e dos aplicativos de mensagem. O seu apoio ajuda a manter este site 100% gratuito. Cada contribuição é muito valiosa para o trabalho da nossa equipe de redatores e jornalistas.

Tags

Últimas Notícias


LEIA TAMBÉM