Saúde e Bem-estar

Colágeno: 5 alimentos que ajudam a produzir essa proteína tão importante para a pele

Há comidas com uma forma biodisponível de colágeno muito superior aos suplementos, segundo nutricionista

Mulher apalpando a região dos olhos em busca de rugas enquanto se olha no espelho

O colágeno é responsável por dar estrutura, hidratação e elasticidade à pele. Porém, com o passar dos anos, o corpo produz essa proteína em menor quantidade.

“Alimentos como caldo de ossos contêm uma forma biodisponível de colágeno que o corpo pode usar imediatamente, tornando-o indiscutivelmente superior aos suplementos”, explicou a nutricionista Carrie Gabriel ao portal especializado em saúde e bem-estar Healthline (em inglês).

Confira, a seguir, cinco alimentos que ajudam a produzir essa proteína tão importante para a pele:

Caldo de osso

A opção mais popular, mas menos confiável cientificamente. A teoria diz que ferver os ossos em água extrai o colágeno, mas a qualidade do líquido depende dos ingredientes usados.

Frango

Muitos dos suplementos são derivados dessa carne, já que ela contém grandes quantidades de colágeno — tanto que cientistas se dedicaram a investigar os seus efeitos em doenças como artrite.

Leia também

Clara de ovo

A clara dos ovos contribui para a produção de colágeno, pois contêm prolina, um aminoácido que favorece a síntese proteica.

Frutas cítricas

A vitamina C é um dos principais agentes na produção de colágeno, já que funciona como um propulsor. Portanto, consumir alimentos com alto teor desse nutriente beneficia a pele.

Alho

O alho é rico em enxofre, mineral que ajuda a prevenir a queda nos percentuais de colágeno. O problema é que as quantidades que você deve consumir são muito altas.

⋅ ⋅ ⋅

⚠️ Atenção: este texto é de caráter meramente informativo e não tem a intenção de fornecer diagnósticos nem soluções para problemas médicos ou psicológicos. Em caso de dúvida, consulte um especialista antes de começar qualquer tipo de tratamento.

⋅ ⋅ ⋅

Apoie

Compartilhe os textos da NOVA MULHER através das redes sociais e dos aplicativos de mensagem. Cada contribuição é muito valiosa para o trabalho dos nossos redatores, e o seu apoio ajuda a manter este site gratuito.

Tags

Últimas Notícias


LEIA TAMBÉM