Notícias

Jornalista mexicana, que temia por sua vida, é assassinada

A jornalista chegou a pedir ajuda durante uma coletiva de imprensa em 2019

Lourdes Maldonado, jornalista mexicana, foi assassinada no último domingo (23) em Tijuana. Ela foi morta dentro do carro quando chegava em sua residência. A profissional pertencia ao programa de Proteção a Jornalistas de Baja California, mas a ajuda que recebia não era permanente.

Em 2019, durante uma coletiva de imprensa, a jornalista falou que temia por sua vida e pediu ajuda do presidente López Obrador.

Eu também venho aqui pedir apoio, ajuda e justiça trabalhista, porque até temo pela minha vida“, disse a jornalista ao presidente.

López Obrador respondeu naquele momento: “Vou pedir a Jesús Ramírez, que é o coordenador de Comunicação Social, que o atenda, que o apoie para que se peça justiça, que não haja influência, que se tome uma ação dentro do marco da lei”.

+ NOTÍCIAS

Mulher é resgatada em hotel de luxo após passar mais de um ano sequestrada pelo ex

Médica é encontrada morta em banheiro de pronto-socorro

Mulher esquece 15 anos de casamento após acidente e marido a faz se apaixonar novamente

Abusos, orgias e drogas: documentário revela segredos da mansão Playboy

⋅ ⋅ ⋅

Siga e compartilhe

Você gostou deste conteúdo? Então siga a NOVA MULHER nas redes sociais para acompanhar mais novidades e ter acesso a publicações exclusivas: estamos no Twitter, no Instagram e no Facebook.

Aproveite e compartilhe os nossos textos através das redes sociais e dos aplicativos de mensagem. O seu apoio ajuda a manter este site 100% gratuito. Cada contribuição é muito valiosa para o trabalho da nossa equipe de redatores e jornalistas.

Tags

Últimas Notícias


LEIA TAMBÉM