Comportamento e Relacionamento

O emocionante gesto de um pai em apoio a filha em estado avançado de câncer

“Estaremos sempre juntos e não há nada que eu não faria pelos meus”, escreveu o pai nas redes sociais

D'andrey Thomas

D’Andray Thomas é um pai que vive no estado do Tennesse, nos Estados Unidos, cuja filha Brielle, apelidada de “Bri Bri”, enfrenta uma dura batalha pela vida. Diagnosticada com câncer de nasofaringe em fase 4, Bri Bri sabe que pode contar com o apoio emocionante do pai.

Em apoio a filha, D’Andrey tomou uma decisão que viralizou e emocionou a internet. Uma atitude de amor e de empatia daquelas que marcam a vida e mostram o verdadeiro sentido de amor de pai.

Ele não queria que ela se sentisse sozinha ou estranha dos demais quando teve de raspar os cabelos devido ao tratamento, então ele também raspou suas tranças que mantinha há 9 anos, a idade de Brielle Thomas.

Recomendados

Brielle, ou Bri Bri como prefere ser chamada, foi diagnosticada com carcinoma nasofaríngeo em fase 4 no final do mês de fevereiro desse ano.

D'Andrey Thomas

Por causa do longo e cansativo tratamento de quimioterapia a pequena começou a perder os cabelos e logo decidiu por raspá-los por completo, com isso o pai decidiu fazer o mesmo.

A criança disse que seu papel é “manter-se forte e não se render” durante todo o processo de tratamento e as sessões de quimioterapia. “Basicamente é assim que supero a doença”, concluiu a menina em entrevista ao WTVC, um canal de televisão local.

Em um vídeo publicado nas redes sociais o pai mostra para a pequena o que decidiu fazer em seu apoio e rapidamente se tornou viral mostrando que é um dever ser um pai presente e viver a paternidade de forma saudável.

No vídeo, a filha está no portão esperando pelo pai que desce do carro com boné e as tranças, mas quando ele as retira e a criança o vê sem cabelos logo dão um abraço fraternal e amoroso.

“Esteja passando pelo que for, nós passaremos junto. Não há nada que eu não faria pelos meus. Te amo, Bri Bri”, disse o pai.

· · ·

Se você está gostando deste texto, é provável que também se interesse por:

Pai solteiro resolve colocar filho de 2 anos para adoção: “Sinto solidão e vazio na paternidade”

Pai solteiro que nasceu sem pernas e sem braços recebe o reconhecimento das filhas: “Meu pai é meu mundo”

· · ·

Aviso

Este texto é de caráter meramente informativo e não tem a intenção de fornecer diagnósticos nem soluções para problemas médicos ou psicológicos. Em caso de dúvida, consulte um especialista antes de começar qualquer tipo de tratamento.

· · ·

Siga e compartilhe

Você gostou deste conteúdo? Então siga a NOVA MULHER nas redes sociais para acompanhar mais novidades e ter acesso a publicações exclusivas: estamos no Twitter, no Instagram e no Facebook.

Aproveite e compartilhe os nossos textos. Seu apoio ajuda a manter este site 100% gratuito. Cada contribuição é muito valiosa para o trabalho da nossa equipe de redatores e jornalistas.

Tags

Últimas Notícias


LEIA TAMBÉM