Comportamento e Relacionamento

3 sinais de que você tem um comportamento autodestrutivo e deve trabalhar seu amor-próprio

Se você manifesta esses traços, é recomendável procurar ajuda profissional para melhorar sua autoestima

Andres Ayrton/Pexels

Muitas vezes, tomamos decisões autodestrutivas, isto é, comportamentos que, devido à baixa autoestima, colocam em risco a própria vida ou promovem a autodestruição de forma direta ou indireta.

Veja três sinais de que você tem comportamento autodestrutivo listados pelo portal Nueva Mujer (em espanhol):

Você não se cuida fisicamente

Esse é um dos primeiros sinais que as pessoas costumam perceber, pois veem como aos poucos os comportamentos autodestrutivos aparecem — como dormir pouco, não tomar banho e se alimentar de forma negligente.

⋅ ⋅ ⋅

Leia também

4 coisas que você não deve permitir em seu relacionamento só para agradar seu parceiro

Monogamia está diretamente ligada à pobreza, afirma especialista em sexo

Família tóxica: 4 sinais de que você precisa impor um limite aos seus parentes

⋅ ⋅ ⋅

Você se isola socialmente

Segundo o portal Psicología y Mente (em espanhol), “as pessoas autodestrutivas se afastam de seus amigos e colegas com uma série de comportamentos incômodos e antissociais que irritam os próximos, a ponto de serem excluídos dos grupos”.

Você evita experiências agradáveis

As pessoas com esse tipo de pensamento fogem de experiências positivas e procuram gerar situações caóticas e relacionamentos interpessoais repletos de sofrimento.

Além disso, tendem a ser fechados e não aceitam ajuda de quem está por perto, porque reagem de forma defensiva. Também não gostam que os outros se interessem por eles e não expressam suas emoções. ◼

⋅ ⋅ ⋅

Siga e compartilhe

Você gostou deste conteúdo? Então siga a NOVA MULHER nas redes sociais para acompanhar mais novidades e ter acesso a publicações exclusivas: estamos no Twitter, no Instagram e no Facebook.

Aproveite e compartilhe os nossos textos através das redes sociais e dos aplicativos de mensagem. O seu apoio ajuda a manter este site 100% gratuito. Cada contribuição é muito valiosa para o trabalho da nossa equipe de redatores e jornalistas.

Tags

Últimas Notícias


LEIA TAMBÉM