Notícias

Noiva é presa por colocar maconha secretamente na comida do casamento

Os convidados começaram a enlouquecer após ingerir os alimentos

Danya Shea Glenny Svoboda, uma noiva de 42 anos, levou o casamento para outro nível e foi acusada de alimentar os convidados com um menu onde misturava maconha entre as comidas. Além da noiva ser presa, a fornecedora de casamentos Jocelyn Montrinice Bryant, de 31 anos, também foi acusada de entregar a maconha, adulterar a comida dos convidados e por contravenção culposa.

Leia também:

Casal decide vender os convites de casamento e arrecada 32 mil reais

Tudo aconteceu por conta de alguns convidados que acabaram indo para o hospital após o casamento, e descobriram que a comida estava adulterada. Tanto a noiva quanto a fornecedora se entregaram para o Departamento do Xerife do Condado de Seminole, na Flórida, e foram liberadas, mas aguardam uma acusação marcada para o dia 7 de junho.

O casamento foi realizado no The Springs Clubhouse em Longwood, no dia 19 de fevereiro, e teve 50 convidados. A festa mudou de rumo quando muitos convidados comeram morangos cobertos com chocolate, pudins e lasanha, todos contendo infusão de maconha.

O noivo, Andrew Svoboda, disse que os convidados não sabiam o que havia na comida do casamento, e alguns testes foram feitos em talheres, tigelas, copos, pratos e na própria lasanha. Os convidados começaram a relatar que se sentiram tranquilos, outros desamparados e entorpecidos, vendo coisas estranhas, e um convidado teve até que receber algo para se acalmar, sendo todos efeitos comuns da substância.

Após os testes voltarem e os sintomas relatados eram todos sinais de maconha, nenhum dos convidados tinha ideia de que a comida tinha sido modificada, e ainda alegaram que iriam prestar queixa contra quem adulterou.

A convidada Miranda Cady até chegou a ver uma bolsa verde de maconha saindo da tigela de ponche, mas achou que era uma piada e continuou comendo, mais tarde se sentindo chapada. “Senti que meu coração ia parar, enviei uma mensagem para mim mesma para que, se eu morresse no meu carro, alguém soubesse o que aconteceu com ela. " contou ela para a polícia.

· · ·

Siga e compartilhe

Você gostou deste conteúdo? Então siga a NOVA MULHER nas redes sociais para acompanhar mais novidades e ter acesso a publicações exclusivas: estamos no Twitter, no Instagram e no Facebook.

Aproveite e compartilhe os nossos textos. Seu apoio ajuda a manter este site 100% gratuito. Cada contribuição é muito valiosa para o trabalho da nossa equipe de redatores e jornalistas.

Tags

Últimas Notícias


LEIA TAMBÉM