Notícias

Mulher finge estar doente para ir ao hospital e denunciar que foi sequestrada por seu noivo

Ela foi visitar seu noivo e foi mantida em cárcere privado. Ele não a deixava ir embora e ela decidiu fingir que estava doente

Uma mulher de 42 anos foi sequestrada por seu noivo após visitá-lo na última sexta-feira (19), na cidade de Banda Río Salí, na província de Tucumán, Argentina. Ao decidir ir embora, ele não permitiu e começou a espancá-la.

A mulher, segundo informações do jornal “Que Diario”, ficou em cárcere privado até segunda-feira quando decidiu fingir que estava doente para que ele a levasse até o hospital. Ela foi levada pelo noivo até o Hospital del Este “Eva Perón”.

Durante a consulta, ela relatou o que estava acontecendo para um médico. O profissional chamou a polícia e o homem foi preso.

+ NOTÍCIAS

O vídeo dramático de uma mulher que não conseguiu chegar ao hospital e deu à luz no jardim de casa

Mulher sobrevive ao câncer de mama e agora luta para adotar seus filhos biológicos

Brasileira de 62 anos vende tudo para viajar: “Você não vira avó para cuidar do seu neto”

Menina de 11 anos estuprada interrompe gravidez após embate com Igreja Católica

Compartilhe os textos da NOVA MULHER com os seus amigos através das redes sociais e dos aplicativos de mensagem. O seu apoio ajuda a manter este site 100% gratuito. Cada contribuição é muito valiosa para o trabalho da nossa equipe de jornalistas e redatores.

Siga-nos

Você gostou deste conteúdo? Então siga a NOVA MULHER nas redes sociais para acompanhar mais novidades e ter acesso a publicações exclusivas: estamos no Twitter, no Instagram e no Facebook.

Tags

Últimas Notícias


LEIA TAMBÉM