Saúde e Bem-estar

Candidíase vaginal: conheça os sintomas e descubra como evitar essa infecção por fungos

A candidíase vaginal é comum entre as mulheres e, por sorte, existem sintomas que ajudam a detectá-la

A candidíase vaginal é comum entre as mulheres e, por sorte, existem sintomas que ajudam a detectá-la.

De acordo com o portal especializado em saúde MedlinePlus (em espanhol), a infecção é causada pelo fungo Candida albicans e não se transmite por meio do contato sexual — ainda que algumas pessoas possam sentir desconforto em relações íntimas com um parceiro infectado.

O desequilíbrio entre os microrganismos que vivem na vagina geram candidíase, e isso pode ser causado por diabetes, ingestão de antibiótico e até mesmo gravidez.

Continue lendo e saiba mais sobre a candidíase vaginal:

Quais são os sintomas da candidíase

Em casos de candidíase, o corrimento vaginal costuma ficar branco, espesso e abundante. Além disso, as relações sexuais se tornam desconfortáveis.

Outros sintomas são:

  1. ardor
  2. coceira
  3. vermelhidão
  4. inflamação nos lábios externos da vagina
  5. inflamação na pele fora da vagina
  6. dor ao urinar

Como prevenir a infecção

A forma de prevenir o seu aparecimento é:

  1. tomar probióticos
  2. reduzir o álcool
  3. regular a dieta
  4. limitar carboidratos
  5. ter controle glicêmico

Além disso, evitar a umidade e usar roupas íntimas orgânicas.

Como tratar a candidíase vaginal

A infecção é controlada com consulta médica. Quando você tiver algum dos sintomas, busque um profissional.


⚠️ Atenção: este texto é de caráter meramente informativo e não tem a intenção de fornecer diagnósticos nem soluções para problemas médicos ou psicológicos. Em caso de dúvida, consulte um especialista antes de começar qualquer tipo de tratamento.


Leia também

  1. Vovó Palmirinha ensina como fazer quibe crocante e com sabor irresistível
  2. Giovanna Ewbank divulga cliques inéditos de viagem com os filhos em Portugal
  3. Atriz de Grey’s Anatomy, Caterina Scorsone, dá show de beleza em novo vídeo no Instagram; confira

Apoie

Compartilhe os textos da NOVA MULHER com os seus amigos através das redes sociais e dos aplicativos de mensagem. O seu apoio ajuda a manter este site 100% gratuito. Cada contribuição é muito valiosa para o trabalho da nossa equipe de redatores.


Siga-nos

Você gostou deste conteúdo? Então siga a NOVA MULHER nas redes sociais para acompanhar mais novidades e ter acesso a publicações exclusivas: estamos no Twitter, no Instagram e no Facebook. Além disso, fazemos parte do Google Notícias:

Tags

Últimas Notícias


LEIA TAMBÉM