Comportamento e Relacionamento

Estes são os 3 mitos sobre amor próprio que você demais deve acreditar

Acreditar que o amor próprio significa adorar tudo em si mesma, por exemplo, é um erro muito comum.

Mulher feliz
Reprodução/Pexels (pexels.com)

O papo sobre amor próprio tem ganhado cada vez mais espaço nas rodas de conversa. Ele é caracterizado pelo apreço que uma pessoa tem de si mesma e a aceitação de suas qualidades, defeitos, conquistas e derrotas, não deixando que o sentimento caia em narcisismo.

ANÚNCIO

No entanto, muitos são os erros cometidos pelas pessoas por acharem que, seguir mitos, faz parte deste movimento. Sendo assim, que tal conhecer alguns destes mitos sobre amor próprio que você jamais deve acreditar? Confira 3 a seguir, extraídos do portal Nueva Mujer:

1. Ter amor próprio significa amar tudo sobre seu corpo

Acreditar que o amor próprio significa adorar tudo em si mesma é um erro muito comum. Todas as pessoas possuem imperfeições ou detalhes que não gostam em seus corpos, porém este pensamento é aprender a conviver com eles e aceitá-los ao invés de criar complexos.

Talvez você não goste do tamanho da sua cintura ou de uma cicatriz em seu corpo, por exemplo. No entanto, é preciso saber que você é linda do jeito que é e que pode mudar certos aspectos se quiser e se for para se sentir mais saudável, porém sem que isto vire uma obsessão.

2. Ter amor próprio significa viver sempre feliz

A felicidade é uma emoção, e como tal, tende a variar conforme as circunstâncias e ações do dia a dia. Nenhuma pessoa consegue ser feliz em todos os momentos e isto não pode ser traduzido como amor próprio, já que é um mito infundado que deve ser corrigido para não cair no pessimismo.

3. Ter amor próprio é evitar se sentir insegura

Outra percepção errônea e impossível é acreditar que a insegurança sempre significa que você não se ama. No fundo, todas as pessoas são um pouco inseguras com alguma coisa ou tem imperfeições que não querem mostrar para o mundo. O amor próprio significa estar bem consigo mesma quando as coisas estão certas ou erradas ao seu redor.

É fundamental estar bem-informada antes de adotar um estilo ou querer fazer parte de um movimento, já que a ignorância traz apenas problemas e aborrecimentos. Este significa aprender a viver com si mesma, amar e apoiar aos outros, dar encorajamento e esperança mesmo nas piores circunstâncias.

ANÚNCIO

· · ·

Leia também:

https://www.novamulher.com/estilo-de-vida/2023/04/19/fique-atenta-estes-sao-os-6-sinais-de-que-voce-e-uma-pessoa-com-falsa-autoestima/

https://www.novamulher.com/estilo-de-vida/2023/04/14/mantenha-estes-4-habitos-diariamente-e-aumente-sua-autoestima-para-ser-uma-mulher-de-sucesso/

· · ·

Siga e compartilhe

Você gostou deste conteúdo? Então siga a NOVA MULHER nas redes sociais para acompanhar mais novidades e ter acesso a publicações exclusivas: estamos no Twitter, no Instagram e no Facebook.

Aproveite e compartilhe os nossos textos. Seu apoio ajuda a manter este site 100% gratuito. Cada contribuição é muito valiosa para o trabalho da nossa equipe de redatores e jornalistas.

ANÚNCIO

Recomendado:

Tags


Últimas Notícias