Comportamento e Relacionamento

3 coisas que você deve fazer se não tiver mais vontade de ter relações sexuais com seu parceiro

É fundamental começar analisando a si mesma e procurar os motivos pelos quais o sexo não a excita tanto quanto antes

50 Tons de Liberdade

Estar em um relacionamento amoroso pode ser uma das coisas mais extraordinárias que existem. É ter uma pessoa ao seu lado nos altos e baixos que surgirem ao lado do caminho, alguém para segurar a sua mão quando tudo desmoronar e sorrir com você na realização dos seus sonhos mais malucos.

No entanto, ainda que isto não seja o desejo de nenhum casal, em alguns momentos, a chama sexual, por exemplo, pode simplesmente se apagar, mesmo que os dois continuem se amando muito.

Embora pareça uma missão impossível, existem algumas coisas que você pode tentar se não tiver mais vontade de fazer sexo com seu parceiro. Quer conhecer 3 delas? Confira a seguir, extraídas do portal Nueva Mujer:

1. Identifique as causas

É fundamental começar analisando a si mesma e procurar os motivos pelos quais o sexo não a excita tanto quanto antes. Em seguida, é preciso passar para o segundo ponto: conversar de maneira franca com seu parceiro. Algumas causas comuns são os problemas entre vocês dois, como por exemplo, estresse, traumas anteriores ou problemas de saúde.

É hora de comunicar o que você gosta, o que quer tentar e se livrar dos complexos para pedir honestamente. A comunicação é a única coisa que permite que a dinâmica mude. O sexo deve ser sempre satisfatório.

2. Tente coisas novas

De acordo com especialista, este costuma ser o ponto de encontro mais comum entre as pessoas que sofrem com este problema no relacionamento. Por isso, recomendam posições variadas, realização de fantasias e até mesmo experiências sexuais além do puramente genital.

“É importante ampliar a noção de sexualidade e lembrar que não é só a estimulação dos órgãos genitais, porém também beijos, carícias, palavras, cuidado e intimidade” descreve a terapeuta Ana Lombardía para o portal Telva.

“Às vezes, com a idade, a sexualidade muda de forma. Às vezes não é genital, porém ainda está lá, se expressando de formas diferentes. É muito importante que a sexualidade continue de alguma forma no casal. Isto porque, perde-se a relação de casal e ambos passam a ser simples coabitantes” acrescentou.

3. Atinja o êxtase

Outro aspecto bastante comum é que existem casais que mantem relações sexuais insatisfatórias há anos. No entanto, chega um ponto em que se deve parar de fingir e buscar agradar também.

“Nas mulheres, é comum constatar que há anos não desfrutam de relações sexuais, sem ter orgasmos e manter práticas desagradáveis” diz a especialista. “Às vezes, o desgaste vem com a idade e, a partir deste momento, elas decidem se levantar e começar a respeitar seus desejos, neste caso, não fazer mais sexo. Se o sexo se tornou desagradável, é normal que não queira repetir” concluiu.

· · ·

Leia também:

https://www.novamulher.com/estilo-de-vida/2023/03/10/3-sinais-de-que-o-seu-ex-realmente-mudou-e-voce-pode-confiar-nele/

https://www.novamulher.com/estilo-de-vida/2023/03/09/relacionamento-3-sinais-de-que-o-seu-parceiro-precisa-de-voce-mas-nao-te-ama/

· · ·

Siga e compartilhe

Você gostou deste conteúdo? Então siga a NOVA MULHER nas redes sociais para acompanhar mais novidades e ter acesso a publicações exclusivas: estamos no Twitter, no Instagram e no Facebook.

Aproveite e compartilhe os nossos textos. Seu apoio ajuda a manter este site 100% gratuito. Cada contribuição é muito valiosa para o trabalho da nossa equipe de redatores e jornalistas.

Tags

Últimas Notícias


LEIA TAMBÉM