Sexualidade

Com que idade as pessoas param de ter relações sexuais?

Embora não haja limite, existem fatores orgânicos, hormonais e psicológicos que podem tornar cada vez mais difícil ter uma vida sexual ativa

Com que idade as pessoas param de ter relações sexuais?

Até quando é possível ter relações sexuais? A resposta simples, segundo um artigo publicado pela ginecologista Ana Ezquerra Giménez no El País, é que não há limite de idade, pois depende de muitos fatores. A vida sexual de uma pessoa é um assunto muito particular e pessoal.

Em seu texto, ela explica que para as mulheres, a expectativa de vida aumentou significativamente nos últimos anos e a menopausa agora representa quase um terço de suas vidas. O início da menopausa ocorre por volta dos 50 a 55 anos de idade, enquanto a expectativa média de vida de uma mulher pode ser de 85 anos.

Há mudanças hormonais nesse período; por exemplo, há uma diminuição do estrogênio, um hormônio que estimula o desejo sexual e garante que os órgãos genitais estejam em ótimas condições. Obviamente, isso desempenha um papel no desejo e na natureza das relações sexuais durante esse período de suas vidas.

Portanto, a idade em que a mulher deixa de ter relações sexuais é adaptável: cada mulher vai se adaptando à situação dependendo do tipo de parceiro que tem, dos seus próprios interesses, da fase hormonal em que está e se está fazendo reposição hormonal terapia. Além disso, pode haver problemas orgânicos: câncer de mama ou outros tipos de tumores, incontinência... e esses fatores orgânicos normalmente desempenham um papel importante na qualidade das relações sexuais.

Quanto aos homens, eles não passam pela menopausa como as mulheres, e seus níveis de testosterona permanecem constantes ao longo de suas vidas, levando a um desejo sexual sustentado. De fato, existem homens de 80 anos que são pais de filhos. Mas os homens também podem sofrer de problemas orgânicos que afetam sua vida sexual, desde câncer de próstata até tratamento para hipertensão ou diabetes. Todos esses são fatores que dificultam as ereções.

Além dos fatores hormonais e orgânicos, existem elementos psicológicos envolvidos no desejo sexual, tanto para homens quanto para mulheres. Não é a mesma coisa viver com a mesma pessoa por 40 ou 50 anos do que estar com alguém novo.

A solução oferecida pelos profissionais para alguns dos problemas enfrentados pelas mulheres idosas muitas vezes é a terapia de reposição hormonal. Existem várias formas de administração, de oral a vaginal, e podem ajudar a resolver problemas como baixo desejo sexual e secura vaginal. E na última década houve muito progresso na cirurgia estética íntima, da qual alguns pacientes estão se beneficiando física e psicologicamente.

Resumindo, não há um limite superior definido para as relações sexuais, desde que as pessoas se sintam bem e tenham desejo por isso. Mas é um fato da vida que, com o passar dos anos, tendem a surgir problemas que podem dificultar uma vida sexual satisfatória. É para isso que existem os profissionais de saúde, para ajudar a encontrar soluções.

· · ·

+ SEXUALIDADE:

6 mitos sobre a sexualidade feminina que estão te prejudicando na busca por prazer

Especialista explica a importância dos lubrificantes no ato sexual

· · ·

Siga e compartilhe

Você gostou deste conteúdo? Então siga a NOVA MULHER nas redes sociais para acompanhar mais novidades e ter acesso a publicações exclusivas: estamos no Twitter, no Instagram e no Facebook.

Aproveite e compartilhe os nossos textos. Seu apoio ajuda a manter este site 100% gratuito. Cada contribuição é muito valiosa para o trabalho da nossa equipe de redatores e jornalistas.

Tags

Últimas Notícias


LEIA TAMBÉM