Sexualidade

Censo do sexo revela os fetiches sexuais dos brasileiros

A pesquisa contou com a participação de 1813 pessoas de todos os gêneros, orientações sexuais e residentes de todas as regiões do Brasil

Censo do sexo revela os fetiches sexuais dos brasileiros

Uma nova pesquisa divulgada neste último dia 21, o Censo do Sexo 2022, revelou quais os fetiches mais comuns entre os brasileiros quando o assunto é sexo.

O resultado da pesquisa foi divulgado pela IstoÉ, contou com a participação de 1813 pessoas de todos os gêneros, orientações sexuais e residentes de todas as regiões do Brasil.

Sobre fetiche, a resposta principal, com 51% das pessoas, foi o sexo a três. BDSM (bondage, disciplina, dominação-submissão e sado-masoquismo) vem em seguida, junto de fazer sexo em público. Depois, seguem o “golden shower”, (“chuva dourada” ou “chuva de urina”, em inglês), o “cross dressing” (“vestir-se de outro gênero”, em inglês) e o fetiche por pés.

Entre os heterossexuais, o sexo a três é o campeão das fantasias sexuais, seguido por sexo anal e sexo em público. Para os bissexuais, o sexo a três também desperta os maiores desejos, seguido por BDSM e sexo em público. Entre os homossexuais, o sexo a três também é o campeão entre os fetiches, junto com BDSM e Voyerismo. Os pansexuais também querem experiências a três, BDSM e sexo em público.

“O fetiche constitui um desvio da sexualidade dita ‘normal’, que corresponde ao que se estabeleceu como regra. Logo, o fetiche sempre vai estar relacionado aos tabus da época, e como todo tabu, basta proibir, dizer ‘não pode’, que a excitação é certa”, comenta a psicóloga Joana Waldorf ao site da revista.

· · ·

+ SEXUALIDADE:

O que é gouinage? Você com certeza já praticou e nem sabe

Sexo na terceira idade: cuidados e dicas para uma vida sexual saudável

· · ·

Siga e compartilhe

Você gostou deste conteúdo? Então siga a NOVA MULHER nas redes sociais para acompanhar mais novidades e ter acesso a publicações exclusivas: estamos no Twitter, no Instagram e no Facebook.

Aproveite e compartilhe os nossos textos. Seu apoio ajuda a manter este site 100% gratuito. Cada contribuição é muito valiosa para o trabalho da nossa equipe de redatores e jornalistas.

Tags

Últimas Notícias


LEIA TAMBÉM