Saúde e Bem-estar

Esses alimentos poderosos são grandes aliados na luta contra a ansiedade

Alguns alimentos têm poder se regular o nosso humor e bem-estar

Quem sofre com ansiedade, sabe que as crises podem trazer consigo momentos bastante difíceis, angustiantes e até paralisantes. Segundo a Organização Mundial da Saúde, em 2019, 18,6 milhões de brasileiros, quase 10% da população, conviviam com o transtorno, o maior número de pessoas com a doença em um país no mundo.

Se o cenário já era preocupante em 2019, depois da pandemia o quadro apenas piorou. Um estudo mais recente feito pela Universidade de São Paulo (USP), em 2021, confirmou que em uma lista de 11 países, o Brasil lidera com mais casos de ansiedade com quase 65% dos entrevistados. A frente de países como Estados Unidos e Irlanda.

Por sorte, existem meios práticos e econômicos para aliviar a doença que é considerada o mal do século e esses recursos podem ser encontrados na sua geladeira ou despensa. Isso porque, alguns alimentos têm poder se regular o nosso humor e trazer uma série de benefícios para o nosso bem-estar.

Veja abaixo alguns alimentos que podem ser grandes aliados no combate à ansiedade:

· · ·

Se você está gostando deste texto, é provável que também se interesse por:O abacaxi pode melhorar a sua saúde física e mental; conheça alguns benefícios da fruta

· · ·

Cúrcuma

Nativa do sul da Ásia, a cúrcuma é um dos suplementos alimentares que mais crescem no mundo. A especiaria natural é usada nas feridas para combater infecções, se misturar com leite acalma a mente e pintá-la na entrada de novas casas é dar as boas-vindas à prosperidade. É conhecida justamente pelos seus efeitos antioxidantes e anti-inflamatórios e ajuda em outra série de problemas como: colesterol alto, rinite alérgica, depressão, gengivite, síndrome pré-menstrual e até ressaca.

Ovos

Pesquisas também apontam o ovo com um dos principais alimentos para o combate da ansiedade. Isso porque ele carrega o triptofano, aminoácido responsável pela produção de serotonina, popularmente conhecido como o hormônio do prazer. Para que possamos manter níveis adequados de vitaminas no organismo, é recomendado o consumo de, pelo menos, dois ovos por semana.

Além disso, o ovo é considerado um superalimento por conter praticamente todos os nutrientes necessários à saúde. Nele encontramos vitaminas do complexo B e D, que tem sua carência associada a transtornos de humor. E ainda encontramos colina, uma espécie de vitamina que ajuda a produzir acetilcolina, neurotransmissor responsável em promover saúde cerebral.

Banana

A fruta mais popular do Brasil, a banana, é rica em triptofano e potássio o que também ajuda no combate a ansiedade e depressão.

Peixes

Outros exemplos são peixes gordurosos como o salmão, a sardinha e a truta que são ricos em ômega-3. Esse tipo de gordura ajuda no aumento de produção de resolvinas e ajuda a diminuir a quantidade de citocinas, o que ajuda na comunicação entre neurônios e mantém áreas do cérebro, como o hipocampo, bem preservadas.

Frutas cítricas

Pessoas que sofrem de ansiedade perdem vitaminas e minerais com muita facilidade, por isso existe a necessidade constante de repor esses nutrientes. O consumo de frutas cítricas, como a laranja, limão e a tangerina, ajudam a promover o bom funcionamento do sistema nervoso, visto que a vitamina C auxilia na produção de serotonina, aumentando, assim, a sensação de bem-estar e evitando a fadiga.

Sementes e nozes

Diversos estudos ainda apontam alimentos facilmente encontrados no Brasil como nozes, semente de abóbora, espinafre, uva e aveia.

Apesar de alimentos ajudarem a combater e prevenir a doença, é necessário e importante sempre procurar o auxílio de um médico para um diagnóstico preciso.

· · ·

Aviso

Este texto é de caráter meramente informativo e não tem a intenção de fornecer diagnósticos nem soluções para problemas médicos ou psicológicos. Em caso de dúvida, consulte um especialista antes de começar qualquer tipo de tratamento.

· · ·

Siga e compartilhe

Você gostou deste conteúdo? Então siga a NOVA MULHER nas redes sociais para acompanhar mais novidades e ter acesso a publicações exclusivas: estamos no Twitter, no Instagram e no Facebook.

Aproveite e compartilhe os nossos textos. Seu apoio ajuda a manter este site 100% gratuito. Cada contribuição é muito valiosa para o trabalho da nossa equipe de redatores e jornalistas.

Tags

Últimas Notícias


LEIA TAMBÉM