Beleza

Esse penteado pode acabar danificando seu cabelo

Saiba como unir o útil ao agradável

Esse penteado pode acabar danificando seu cabelo

Quem gosta de correr ou de praticar qualquer exercício sabe que o cabelo longo pode nos atrapalhar nesse momento, e com isso acabamos utilizando um rabo de cavalo bem alto para poder desempenhar nossas atividades sem ter nada no caminho. Com isso, usamos o rabo de cavalo o mais alto e apertado possível, mas pode ser que, por mais que nosso corpo receba muitos exercícios que nos ajudam a melhorar o bem-estar e a saúde mental, o cabelo pode sofrer com essa escolha de penteado por conta da amarração.

Leia também:

O blush natural é a nova tendência do TikTok que não requer tanta habilidade

Segundo o cabeleireiro Tom Smith da Evo Haircare International, fazer um rabo de cavalo para se exercitar pode ser um perigo e tanto, já que quando nosso cabelo fica indo de um lado para o outro repetidas vezes, criando um efeito de chicote, os fios acabam sendo prejudicados. “Se você sai para correr e tem o cabelo solto balançando para frente e para trás, é uma receita absoluta para pontas duplas e fricção realmente seca nas pontas do cabelo.” diz Tom.

Com isso, além de danificar as pontas, amarrar o cabelo para trás enquanto fazemos exercícios pode danificar também o seu comprimento. Tom aconselha que o melhor é fazer um coque ao invés de um rabo de cavalo. “Certifique-se de embrulhá-lo, talvez trançar em um coque bem arrumado, mantê-lo bem guardado para que não se mova enquanto você corre.” Embora não muito apertado para evitar o desenvolvimento de alopecia de tração.

Nos comentários, Tom ainda aconselhou a usar uma máscara capilar antes da corrida, para proteger os fios do sol e do suor, além de sempre lembrar de lavar o cabelo após a corrida. Por isso, vale ficar atento em quanto estrago o rabo de cavalo pode ter causado na sua vida e você ainda não notou, para que possa continuar seus exercícios e manter os fios com os cuidados sempre em dia.

· · ·

Siga e compartilhe

Você gostou deste conteúdo? Então siga a NOVA MULHER nas redes sociais para acompanhar mais novidades e ter acesso a publicações exclusivas: estamos no Twitter, no Instagram e no Facebook.

Aproveite e compartilhe os nossos textos. Seu apoio ajuda a manter este site 100% gratuito. Cada contribuição é muito valiosa para o trabalho da nossa equipe de redatores e jornalistas.

Tags

Últimas Notícias


LEIA TAMBÉM