Notícias

Jovem assassinada no RJ teve seu túmulo violado

Morte aconteceu devido a uma disputa.

Flores/Pexels
Flores/Pexels

Assassinato

Sabrina Tavares foi morta dentro de sua casa em agosto de 2022 aos 31 anos. Segundo familiares, a morte aconteceu devido a uma disputa por conta de um terreno.

ANÚNCIO

Na ocasião, sua mãe também foi atingida por disparos, mas sobreviveu.

Menos de um ano depois

Recomendados

Antes de um ano da morte de sua filha, o pai da vítima descobriu que em março desse ano seu túmulo havia sido violado.

O homem optou por não contar nada para a sua mulher, que já está passando por um momento difícil com a morte da filha.

Agravante

A violação de um túmulo já é algo aterrorizante, mas o agravante da situação é que a cabeça da vítima foi arrancada.

“Quem teria interesse em fazer isso com a minha filha? Estou buscando uma explicação”, disse o pai de Sabrina.

+Feminicídio: homem é condenado após fingir cuidar da sogra para matar ex

+Jovem brasileiro é acusado de assassinar indiana em Londres

+Estudante está desaparecida em Berlim

+Homem se passava por ‘olheiro’ de modelos e admite crimes sexuais contra 45 crianças

· · ·

Atenção, mulher!

Se você está passando por qualquer tipo de violência, física ou psicológica, ligue para o número 180 e denuncie. Se preferir, comunique o ocorrido pelo número de WhatsApp: (61) 9610-0180. O atendimento está disponível para todo o Brasil, 24 horas por dia, durante os sete dias da semana, inclusive feriados.

· · ·

Siga e compartilhe

Você gostou deste conteúdo? Então siga a NOVA MULHER nas redes sociais para acompanhar mais novidades e ter acesso a publicações exclusivas: estamos no Twitter, no Instagram e no Facebook.

Aproveite e compartilhe os nossos textos. Seu apoio ajuda a manter este site 100% gratuito. Cada contribuição é muito valiosa para o trabalho da nossa equipe de redatores e jornalistas.

Tags

Últimas Notícias