Notícias

Professora assistente é pega na mentira com post no Facebook

Ela contou uma história falsa para poder sair de férias

Ella Griffith, uma professora assistente de 25 anos do Reino Unido, foi pega na mentira quando seu namorado postou algumas fotos no Facebook e a marcou. A funcionária da escola primária disse aos colegas que precisava de uma folga para “resolver um assunto pessoal sério” em casa, mas logo foi vista comendo macarrão e relaxando na banheira de hidromassagem em Roma.

Ela usou o feriado prolongado para viajar junto com o namorado até a Itália, e agora foi proibida de lecionar por um ano depois do acontecimento. O Conselho da Força de Trabalho da Educação conta que Ella foi contratada como assistente de apoio à aprendizagem, com 30 horas semanais.

A diretora da escola, Rhian Grieve, disse que ela pediu a folga alguns dias depois que as aulas voltaram a ser presenciais em setembro do ano passado. Rhian disse: “Ela falou comigo em 17 de setembro de 2020 e pediu para sair mais cedo no dia seguinte e retornar em 23 de setembro. A situação parecia crítica porque a família de Ella Griffith precisava dela e ela pediu licença compassiva”.

Outros membros da escola alertaram a diretora sobre as fotos, que incluíam uma fonte romana, o casal bebendo em um bar de gelo, andando de patinete pela cidade e vários outros pontos turísticos.

Ao questionar Ella, a professora disse que foi para a Itália apenas no final de semana, mas ao pedirem sua passagem como prova, ela confessou que mentiu por mais tempo, não comparecendo por mais dois dias e mandando mensagens para avisar.

⋅ ⋅ ⋅

Aviso

Este texto é de caráter meramente informativo e não tem a intenção de fornecer diagnósticos nem soluções para problemas médicos ou psicológicos. Em caso de dúvida, consulte um especialista antes de começar qualquer tipo de tratamento.

⋅ ⋅ ⋅

Siga e compartilhe

Você gostou deste conteúdo? Então siga a NOVA MULHER nas redes sociais para acompanhar mais novidades e ter acesso a publicações exclusivas: estamos no Twitter, no Instagram e no Facebook.

Aproveite e compartilhe os nossos textos. Seu apoio ajuda a manter este site 100% gratuito. Cada contribuição é muito valiosa para o trabalho da nossa equipe de redatores e jornalistas.

Tags

Últimas Notícias


LEIA TAMBÉM