Notícias

Menino de 2 anos compra dois mil dólares em móveis

A família planeja manter alguns pacotes e devolver outros.

Uma família de Nova Jersey, EUA, teve uma grande surpresa quando móveis do Walmart, que ninguém havia encomendado, começaram a aparecer em sua casa.

O pequeno Ayaansh Kumar, de dois anos, foi o autor dessa brincadeira que colocou seus pais em apuros. Acostumado a brincar com o telefone de sua mãe, ele encomendou várias peças que totalizaram 2 mil dólares.

Os móveis estavam no carrinho de compras de sua mãe, Madhu Kumar, que foi a primeira a perceber a irregularidade e perguntou ao marido e aos filhos mais velhos se eles haviam feito essas compras.

“Ele foi para o carrinho e o que quer que estivesse lá, bum, simplesmente clicou e todos os pagamentos foram feitos “, disse a mulher.

“É realmente difícil acreditar que ele fez isso, mas aconteceu “, disse o pai Pramod Kumar ao canal local da NBC em Nova York, citado pela People.

“É tão pequeno, é tão fofo, rimos quando ele comprou todas essas coisas” , acrescentou, depois de superar o susto financeiro, porque a rede concordou em devolver o dinheiro pelas peças que voltaram para seu armazém.

Isso porque o pedido não pôde ser cancelado e eles ainda não terminaram de receber todos os pedidos, mas a devolução será aceita.

+ NOTÍCIAS

Câmeras mostram momento em que esposa militar atira contra o marido empresário

Empresária proíbe entrada de homens em loja após casos de assédio

Mulher verifica e-mail de spam e descobre que ficou milionária

Ele se apaixonou por uma mulher pela internet, viajou para conhecê-la e foi sequestrado

Jornalista mexicana, que temia por sua vida, é assassinada

Mulher é resgatada em hotel de luxo após passar mais de um ano sequestrada pelo ex

⋅ ⋅ ⋅

Siga e compartilhe

Você gostou deste conteúdo? Então siga a NOVA MULHER nas redes sociais para acompanhar mais novidades e ter acesso a publicações exclusivas: estamos no Twitter, no Instagram e no Facebook.

Aproveite e compartilhe os nossos textos através das redes sociais e dos aplicativos de mensagem. O seu apoio ajuda a manter este site 100% gratuito. Cada contribuição é muito valiosa para o trabalho da nossa equipe de redatores e jornalistas.

Tags

Últimas Notícias


LEIA TAMBÉM