Notícias

Depois de levar um golpe de 1 milhão de reais, noiva é impedida de casar pela polícia

Uma servidora pública da Câmara dos Deputados em Brasília descobriu, no dia do seu casamento, que foi alvo de um golpe aplicado pelo próprio noivo. Hudson da Silva Ferreira, de 31 anos, extorquiu mais de 1 milhão de reais da ex-companheira, que tem 45 anos.

A noiva, que foi constatada durante a madrugada, descobriu às 5 da manhã do dia do seu casamento sobre o golpe, pela polícia. O noivo deve responder por associação criminosa, estelionato e pegar entre 9 e 13 anos de prisão, se for condenado.

Hudson chegava a inventar histórias para conseguir o dinheiro da noiva, dizendo que tinha dívidas com traficantes e que precisava de altos valores para pagar os processos judiciais, fazendo isso inúmeras vezes durante dois anos. A noiva, mesmo com a presença da polícia, não conseguia acreditar, repetindo que era o dia do casamento diversas vezes. Ela só acreditou quando o noivo foi colocado de frente para ela, confessando que tudo se tratava de um golpe. Assim, ela escreveu uma carta e pediu o cancelamento da cerimônia.

A Polícia ainda detalhou que mais três pessoas participaram do esquema, sendo uma a empregada doméstica da vítima, que foi quem apresentou e uniu o casal. Os outros dois suspeitos são pessoas ligadas à Hudson e que também tiveram contato com a noiva, sendo uma delas que se identificava como pai de santo e guia espiritual, chegando a ganhar 22 mil reais com sessões espirituais para a noiva.

A família desconfiava da situação da servidora, dizendo que ela chegou a ficar em um estado miserável e sem ter o que comer para poder pagar as coisas do noivo. A vítima ainda chegou a fazer empréstimos para acabar com os problemas, sendo um deles outra invenção de Hudson contando que precisava ficar internado em uma clínica de reabilitação e que a mensalidade era de 9 mil reais, além de 5 mil reais em alimentação que foram pagos por ela.

⋅ ⋅ ⋅

Siga e compartilhe

Você gostou deste conteúdo? Então siga a NOVA MULHER nas redes sociais para acompanhar mais novidades e ter acesso a publicações exclusivas: estamos no Twitter, no Instagram e no Facebook.

Aproveite e compartilhe os nossos textos. Seu apoio ajuda a manter este site 100% gratuito. Cada contribuição é muito valiosa para o trabalho da nossa equipe de redatores e jornalistas.

Tags

Últimas Notícias


LEIA TAMBÉM