logo
Notícias 07/07/2021

Mulher australiana ganha sotaque irlandês do dia para a noite

Ela nunca foi à Irlanda, mas o seu sotaque está no TikTok para quem quiser ver!

Por : Redação

Angela Yen, de 28 anos, mora em Brisbane, na Austrália, e certo dia notou algo diferente na sua voz. “Todas essas palavras saindo da minha boca eram sons que eu não reconhecia”, disse a dentista à VICE (em inglês). “Eu estava pirando.”

Então, ela ligou para uma amiga. “Por que você parece uma irlandesa?”, questionou a colega, confirmando que o seu sotaque havia mudado durante a noite.

“Eu sei pouco ou nada sobre a cultura irlandesa”, disse Angela. “Ainda sou australiana, mas falo muito diferente.”

A síndrome de sotaque estrangeiro

A síndrome de sotaque estrangeiro é um distúrbio da fala raro que os especialistas ainda estão tentando entender.

Desde que a condição foi descrita pela primeira vez em 1907, os casos conhecidos são poucos e distantes entre si.

Em plataformas de discussão como o Reddit, existem relatos compartilhados por aqueles que aparentemente passaram pelo problema. Mas, cientificamente, pouco se sabe sobre a doença.


Leia também

Se você está gostando deste conteúdo, é provável que também se interesse pela nossa publicação mais recente:


O caso de Angela Yen

Angela retirou as suas amígdalas cerca de 10 dias antes de acordar com o sotaque irlandês, mas não está claro se a cirurgia desencadeou a síndrome.

Veja os relatos de Angela Yen no TikTok (áudio em inglês e sem legenda):

@angie.mcyen

Day 2: I still can’t believe I woke up with an Irish accent yesterday. I’ve never been to Ireland. I grew up in Australia. My Aussie accent is gone

♬ original sound – angie.mcyen

@angie.mcyen

Reply to @owenb32 Day 13: Still woke up not sounding like my old self. Spreading awareness for #foreignaccentsyndrome #foryou

♬ original sound – angie.mcyen


Leia também


Apoie

Compartilhe os textos da NOVA MULHER com os seus amigos através das redes sociais e dos aplicativos de mensagem. O seu apoio ajuda a manter este site 100% gratuito. Cada contribuição é muito valiosa para o trabalho da nossa equipe de redatores.


Siga-nos

Você gostou deste conteúdo? Então siga a NOVA MULHER nas redes sociais para acompanhar mais novidades e ter acesso a publicações exclusivas: estamos no Twitter, no Instagram e no Facebook. Além disso, fazemos parte do Google Notícias: