logo
/ Reprodução
Notícias 14/04/2021

Criam aplicativo que pode detectar o coronavírus através de uma simples foto do olho

O software leva apenas três minutos para identificar os portadores da doença e tem uma taxa de acerto de 95%

Por : Redação

Estaríamos próximos a uma revolução na maneira de aplicar testes para detectar o novo coronavírus? Pode ser que sim.

Uma empresa com sede em Munique, na Alemanha, desenvolveu um aplicativo com um exame de olho que, segundo ela, leva apenas três minutos para identificar os portadores da doença e tem uma taxa de acerto de 95%.

O aplicativo usa uma foto de um olho tirada com um smartphone e identifica o vírus por meio de uma inflamação chamada “olho rosa”.

“Você pega o aplicativo, tira uma foto de ambos os olhos, envia para avaliação e então pode ter o resultado avaliado armazenado como um código QR no smartphone da pessoa testada”, explicou o diretor-gerente, Wolfgang Gruber.

O aplicativo está sendo vendido a empresas por 480 euros (mais de R$ 3,2 mil) por mês, com planos de ser lançado para pessoas físicas também.


⚠️ Atenção: este texto é de caráter meramente informativo e não tem a intenção de fornecer diagnósticos nem soluções para problemas médicos. Em caso de dúvida, consulte um especialista antes de começar qualquer tipo de tratamento.


Leia também


Apoie

Compartilhe os textos da NOVA MULHER com os seus amigos através das redes sociais e dos aplicativos de mensagem. O seu apoio ajuda a manter este site 100% gratuito. Cada contribuição é muito valiosa para o trabalho da nossa equipe de redatores.


Siga-nos

Você gostou deste conteúdo? Então siga a NOVA MULHER nas redes sociais para acompanhar mais novidades e ter acesso a publicações exclusivas: estamos no Twitter, no Instagram e no Facebook. Além disso, fazemos parte do Google Notícias:


Leia também


Apoie

Compartilhe os textos da NOVA MULHER com os seus amigos através das redes sociais e dos aplicativos de mensagem. O seu apoio ajuda a manter este site 100% gratuito. Cada contribuição é muito valiosa para o trabalho da nossa equipe de redatores.


Siga-nos

Você gostou deste conteúdo? Então siga a NOVA MULHER nas redes sociais para acompanhar mais novidades e ter acesso a publicações exclusivas: estamos no Twitter, no Instagram e no Facebook. Além disso, fazemos parte do Google Notícias: