Notícias

Mulher de 57 anos da à luz e afirma que não se importa com julgamentos sociais

Aos 57 anos, ela deu à luz se tornou a mulher mais velha a ter um filho em New Hampshire.

Mulher

Muitas vezes pensamos que já passamos um tempo em nossas vidas em que nossos sonhos não podem mais se realizar. Este não foi o pensamento de Barbara Higginsa mulher de 57 anos deu à luz um bebê em New Hampshire, Estados Unidos .

O coração de Bárbara como mãe ficou arrasado. Cinco anos atrás, ela perdeu sua filha, Molly, 13 , para um tumor cerebral não diagnosticado.

Após a morte de Molly, a de 57 anos deu à luz porque não conseguia parar de pensar em ter outro filho para se juntar a sua outra filha, Gracie.

Como a mulher de 57 anos deu à luz um bebê saudável

A mulher de 57 anos deu à luz um bebê saudável chamado Jack em 20 de março, conseguindo o que muitos acreditavam ser impossível.

Barbara Higgins passou por tratamento junto com seu marido Kenny Banzhoff, de acordo com a NBC Boston. «Vencemos todas as probabilidades», disse Banzhoff, 65. «Estou tão orgulhoso dela», acrescentou o pai feliz.

«Comecei a sonhar que queria ter um filho e pensei: ‘Tudo bem, Barb, isso é meio louco'», disse Barbara à NBC Boston.

Embora ela achasse que era uma ideia louca, ela não podia evitar pensar que ter um bebê era um caminho que ela estava destinada a seguir. Então, finalmente, após superar o luto pela morte de Molly, ela decidiu fazê-lo.

«Não estou preocupado com julgamentos ou fatores externos»

Depois de encontrar uma clínica em Boston disposta a tratar alguém da idade de Bárbara , o casal decidiu prosseguir com a gravidez.

A mãe orgulhosa garante que associa o sucesso da gravidez ao estilo de vida ativo e afirma que levantou peso até o dia de trabalho de parto.

A mulher de 57 anos deu à luz um bebê saudável e se tornou a mulher mais velha a ter um filho em New Hampshire , de acordo com o Concord Monitor. Higgins disse que sua idade não foi um fator na decisão de ter outro filho.

“Ninguém pode dar à luz um bebê e saber com certeza que verá aquele bebê crescer” , explicou Bárbara ao meio ambiente, acrescentando que ela não se preocupa com julgamentos ou fatores externos.

LEIA TAMBÉM

Tags

Últimas Notícias


LEIA TAMBÉM