logo
Saúde e Bem-estar 21/07/2021

Você sofre de cólicas menstruais? Estes chás naturais vão ajudar

Embora em alguns casos a recomendação seja ir a um médico, existem remédios naturais que podem aliviar a dor

Por : Redação

Todas as mulheres tiveram cólicas menstruais em algum momento da vida. Embora em alguns casos a recomendação seja ir a um médico, como afirma o portal Meganoticias (em espanhol), existem remédios naturais que podem aliviar a dor. Saiba mais sobre o tema:

Chás naturais contra as cólicas menstruais

Chá de camomila

O mais conhecido e recomendado é o chá de camomila. Essa planta contém glicina, um componente que atua como um relaxante natural que ajuda a reduzir a inflamação causada pela contração das paredes uterinas. Para o seu preparo, despeje 2 colheres (chá) de camomila em um copo de água quente.

Chá de erva-doce

As propriedades anti-inflamatórias desta planta são reconhecidas, e os especialistas recomendam tomar uma xícara desde o início da menstruação para minimizar ao máximo a inflamação. O preparo é simples: mergulhe 5 gramas de sementes de erva-doce para cada xícara de água por 5 minutos.


Leia também

Se você está gostando deste conteúdo, é provável que também se interesse pela nossa publicação mais recente:


Chá de salsinha

Se você é uma daquelas que sofre de cólicas menstruais muito fortes, a salsinha é a melhor escolha, já que esta planta estimula o útero e alivia as contrações.

Existem diferentes maneiras de ingeri-la, não apenas como um chá. Recomenda-se incluí-la na sua dieta, tanto em saladas quanto em outros pratos.

Você pode preparar suco de salsa. Se preferir o chá, coloque um pouco da planta na água fervente e tome 3 vezes ao dia.

Chá de hortelã

As propriedades da hortelã aliviam espasmos e contrações. Você também pode prepará-lo para tomar banhos ou aplicar topicamente sobre a barriga. Atua como sedativo no sistema nervoso. Coloque algumas folhas em um copo de água fervente, deixe descansar e tome antes de dormir, pois pode causar sonolência.


⚠️ Atenção: este texto é de caráter meramente informativo e não tem a intenção de fornecer diagnósticos nem soluções para problemas médicos. Em caso de dúvida, consulte um especialista antes de começar qualquer tipo de tratamento.


Leia também


Apoie

Compartilhe os textos da NOVA MULHER com os seus amigos através das redes sociais e dos aplicativos de mensagem. O seu apoio ajuda a manter este site 100% gratuito. Cada contribuição é muito valiosa para o trabalho da nossa equipe de redatores.


Siga-nos

Você gostou deste conteúdo? Então siga a NOVA MULHER nas redes sociais para acompanhar mais novidades e ter acesso a publicações exclusivas: estamos no Twitter, no Instagram e no Facebook. Além disso, fazemos parte do Google Notícias: