Saúde e Bem-estar

Leite de vaca: é aconselhável continuar bebendo?

Os lácteos são um alimento polêmico. Diferentes pessoas recomendam evitar consumir esse alimento, seja por motivos de saúde, seja pela crueldade contra os animais

Os lácteos são um alimento polêmico. Diferentes pessoas recomendam evitar consumir esse alimento, seja por motivos de saúde, seja pela crueldade contra os animais. Saiba mais sobre o tema:

É seguro beber leite?

A cada ano, mais crianças desenvolvem alergias e intolerâncias: em 2015, entre 65 e 70% da população mundial tinha alguma forma de intolerância à lactose.

Ambas as condições causam mal-estar estomacal, mas podem levar a anafilaxia e a problemas mais sérios no sistema respiratório.

Por outro lado, outros estudos têm associado o consumo desse alimento a problemas dermatológicos como eczema, acne em adultos e desencadeamento de rosácea.

Segundo estudo da Escola de Saúde Pública da Universidade de Harvard (em inglês), os laticínios não são perigosos, mas não são estritamente necessários para manter uma dieta saudável.

Porém, também são “a maneira mais fácil de obter cálcio, vitamina D e proteínas, que são necessárias para o coração, os ossos e os músculos”.


Leia também

Se você está gostando deste conteúdo, é provável que também se interesse pela nossa publicação mais recente:

  1. Mulher é encontrada em área onde vivem apenas ursos

Por que isso é recomendado?

A contribuição nutricional do leite pode ser essencial, dependendo da dieta seguida.

Dependendo do tipo de leite, ele terá uma contribuição nutricional diferente, sendo o leite integral o que tem mais gordura.

“Uma porção de laticínios fornece aproximadamente 230 miligramas de cálcio, o que equivale a 25% da necessidade média de um adulto saudável”, explica Natalia Contrera, acadêmica da Escola de Nutrição e Dietética na Universidade Andrés Bello (em espanhol).

É uma ótima fonte de vitamina B5 e B12, zinco e magnésio . Até a Organização Mundial da Saúde (OMS) recomenda três a quatro porções de lácteos diárias em diferentes formatos, mas com baixo teor de gordura.


⚠️ Atenção: este texto é de caráter meramente informativo e não tem a intenção de fornecer diagnósticos nem soluções para problemas médicos ou psicológicos. Em caso de dúvida, consulte um especialista antes de começar qualquer tipo de tratamento.


Leia também

  1. Mulher é encontrada em área onde vivem apenas ursos
  2. 2 filmes da Netflix que demonstram o perigo de um relacionamento tóxico
  3. Manchas na pele: acabe com o problema com esta máscara caseira de limão e óleo de coco

Apoie

Compartilhe os textos da NOVA MULHER com os seus amigos através das redes sociais e dos aplicativos de mensagem. O seu apoio ajuda a manter este site 100% gratuito. Cada contribuição é muito valiosa para o trabalho da nossa equipe de redatores.


Siga-nos

Você gostou deste conteúdo? Então siga a NOVA MULHER nas redes sociais para acompanhar mais novidades e ter acesso a publicações exclusivas: estamos no Twitter, no Instagram e no Facebook. Além disso, fazemos parte do Google Notícias:

Tags

Últimas Notícias


LEIA TAMBÉM