logo
Saúde e Bem-estar 01/06/2021

Caminhada diária de 30 minutos: veja como ela ajuda a emagrecer

Embora seja uma atividade subestimada, a caminhada é capaz de melhorar o humor e reduzir a mortalidade por doenças coronárias

Por : Redação

Embora seja uma atividade subestimada, a caminhada é capaz de melhorar o humor e reduzir a mortalidade por doenças coronárias, de acordo com o portal Mejor con Salud (em espanhol).

É importante se movimentar, pois 60% da população mundial não realiza a atividade física necessária para combater o sedentarismo, segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS, em espanhol).


Leia também

Se você está gostando deste conteúdo, é provável que também se interesse pela mais recente publicação da NOVA MULHER:


Caminhe 30 minutos por dia para emagrecer

Caminhar pelo menos 30 minutos por dia pode ser o início de um processo para emagrecer e para uma rotina de exercícios eficaz.

A queima de calorias e a perda de peso também dependem do terreno onde se realiza a caminhada, da intensidade da caminhada, bem como da condição física de quem se exercita.

Estima-se que cerca de 150 calorias podem ser queimadas em uma caminhada de meia hora. Além disso, tonificar os músculos e prevenir a osteoporose são apenas alguns dos benefícios adicionais dessa prática.

Como caminhar

  • A cabeça deve estar alta olhando para a frente, não para baixo.
  • O pescoço, as costas e os ombros devem estar relaxados.
  • Balance os braços livremente, com uma ligeira curvatura nos cotovelos.
  • Contraia levemente os músculos do estômago, mantendo as costas retas, não arqueadas para frente ou para trás.
  • Ande de forma fluida, apoiando o calcanhar e depois os dedos dos pés.

⚠️ Atenção: este texto é de caráter meramente informativo e não tem a intenção de fornecer diagnósticos nem soluções para problemas médicos. Em caso de dúvida, consulte um especialista antes de começar um tratamento.


Leia também


Apoie

Compartilhe os textos da NOVA MULHER com os seus amigos através das redes sociais e dos aplicativos de mensagem. O seu apoio ajuda a manter este site 100% gratuito. Cada contribuição é muito valiosa para o trabalho da nossa equipe de jornalistas e redatores.


Siga-nos

Você gostou deste conteúdo? Então siga a NOVA MULHER nas redes sociais para acompanhar mais novidades e ter acesso a publicações exclusivas: estamos no Twitter, no Instagram e no Facebook. Além disso, fazemos parte do Google Notícias: