Comportamento e Relacionamento

Atenção: um relacionamento saudável conta com estas 5 condições

Com o tempo, você aprende como cultivar um relacionamento saudável

Nos últimos dias, as celebridades deram muito o que falar com romances inesperados.

Jennifer Lopez e Ben Affleck se tornaram o foco das atenções depois de retomar o relacionamento que tinham há mais de uma década.

Agora, Jennifer Aniston está envolvida em rumores de um suposto relacionamento com David Schwimmer — embora, aparentemente, sejam apenas rumores.

Com isso, surgiu a dúvida: é possível ter um relacionamento saudável com um ex?

A verdade é que qualquer relacionamento pode ser considerado saudável se estas condições forem atendidas:

Segurança

Quando ambas as partes sentem que o relacionamento é um refúgio, e não um campo de batalha, estão no caminho certo.

Um relacionamento saudável não deve gerar mais dúvidas e inseguranças, não deve fazer você acreditar que deve mudar a sua essência, nem deve fazer você se sentir culpada.

Ambos devem saber que são o apoio do outro e que estarão presentes em todos os momentos, emocionalmente e até financeiramente.

Honestidade

Sinceridade é um dos alicerces de qualquer relacionamento saudável. Isso inclui abster-se de infidelidade.

Evitar confrontos ou fingir que as coisas estão bem quando não estão também são formas de desonestidade que muitas vezes esquecemos.

A comunicação sempre será a chave para encontrar esse equilíbrio.

Respeito mútuo

O respeito é outra das características mais importantes de um relacionamento saudável.

Talvez não estejam de acordo em tudo, mas é preciso atender igualmente aos sentimentos e necessidades do outro.

Em relacionamentos saudáveis ​​e duradouros, ambas as partes valorizam uma à outra e cuidam das suas ações e palavras.

Empatia

Outra qualidade fundamental de um relacionamento saudável é a empatia. Refere-se a tentar entender como o outro está se sentindo para encontrar soluções ou manter o equilíbrio para o bem de ambos.

Cada um terá sempre os seus problemas e preocupações. Por isso, não se trata de assumir a responsabilidade, mas de poder estar ao lado.

Limite

É importante respeitar as diferenças e não ultrapassar os limites dos outros, incluindo barreiras físicas e emocionais.

Isso requer esforço de ambos os lados. Do contrário, podem cair em situações tóxicas, como ciúme, violência e luta pelo poder.

Fonte: Nueva Mujer (em espanhol)


Leia também

  1. 2 filmes da Netflix que demonstram o perigo de um relacionamento tóxico
  2. Manchas na pele: acabe com o problema com esta máscara caseira de limão e óleo de coco
  3. ‘Virgin River’: Netflix renova série de sucesso; programa terá 4ª e 5ª temporadas

Apoie

Compartilhe os textos da NOVA MULHER com os seus amigos através das redes sociais e dos aplicativos de mensagem. O seu apoio ajuda a manter este site 100% gratuito. Cada contribuição é muito valiosa para o trabalho da nossa equipe de redatores.


Siga-nos

Você gostou deste conteúdo? Então siga a NOVA MULHER nas redes sociais para acompanhar mais novidades e ter acesso a publicações exclusivas: estamos no Twitter, no Instagram e no Facebook. Além disso, fazemos parte do Google Notícias:

Tags

Últimas Notícias


LEIA TAMBÉM