Saúde e Bem-estar

4 razões pelas quais seu cabelo cai e o que fazer para evitá-lo

Esse problema é mais comum do que parece e afeta tanto a aparência quanto a autoestima das pessoas

A queda de cabelo é um golpe na nossa beleza. Sabendo disso, a NOVA MULHER explica as causas do problema e o que você pode fazer para evitá-lo.

Você provavelmente não sabia que o cabelo se regenera, já que perde entre 100 e 200 fios por dia. O problema é quando essa lacuna é superada e começamos a ver no pente como mechas desprendem da nossa cabeça.

Saiba mais sobre o assunto:


Leia também

Se você está gostando deste conteúdo, é provável que também se interesse pela nossa publicação mais recente:

  1. ‘Young Royals’, série da Netflix, é renovada para a 2ª temporada

As causas da queda de cabelo e o que fazer

Estresse

Quando ficamos muito estressadas, a queda de cabelo se torna um dos primeiros sintomas de que algo não está bem. A ela se somam irritação e coceira no couro cabeludo.

Nesses casos, a primeira coisa que devemos fazer é resolver as causas do estresse. Enquanto isso, podemos mitigar as consequências com máscaras naturais. Elas hidratam e fornecem óleos minerais que nutrem e equilibram os cabelos.

Gravidez

Uma das ocasiões em que as mulheres tendem a perder mais os cabelos é durante a gravidez e após o parto. Isso é consequência de uma queda repentina dos hormônios, fazendo com que os cabelos fiquem mais frágeis e quebradiços.

É aconselhável optar por cortes de cabelo que deem volume, como capeados e desgrenhados, enquanto passamos por essa fase.

Se quisermos resultados mais profundos, os especialistas recomendam um tratamento de plasma rico em plaquetas (PRP), um material biológico obtido do próprio sangue da mulher e que ajuda a resolver a queda de cabelo.

Mudança de dieta ou perda de peso

Outra causa da queda de cabelo é uma dieta muito rígida. Uma dieta pobre significa que seu corpo não recebe os mesmos nutrientes de antes e reage perdendo cabelo.

Para evitar este problema, é extremamente importante que você se alimente de forma saudável e preste atenção à ingestão de proteínas. Coma a quantidade necessária — e a melhor forma de fazer isso é ao se colocar nas mãos de um profissional.

Menopausa

Assim como na gravidez, as mulheres sofrem uma queda nos níveis hormonais com a chegada da menopausa. Isso pode torná-los mais propensos à alopecia androgênica, que geralmente está associada aos homens, mas também pode ocorrer nas mulheres.

Uma alimentação saudável, a prática de esportes e o consumo de suplementos vitamínicos e minerais são importantes para combater esse problema.

Também é importante saber quando é necessário fazer tratamentos capilares que previnam a queda e melhorem a qualidade do cabelo.


Leia também

  1. ‘Young Royals’, série da Netflix, é renovada para a 2ª temporada
  2. O shake que Jennifer Aniston toma para ter uma pele incrível
  3. Mulher é encontrada em área onde vivem apenas ursos

Apoie

Compartilhe os textos da NOVA MULHER com os seus amigos através das redes sociais e dos aplicativos de mensagem. O seu apoio ajuda a manter este site 100% gratuito. Cada contribuição é muito valiosa para o trabalho da nossa equipe de redatores.


Siga-nos

Você gostou deste conteúdo? Então siga a NOVA MULHER nas redes sociais para acompanhar mais novidades e ter acesso a publicações exclusivas: estamos no Twitter, no Instagram e no Facebook. Além disso, fazemos parte do Google Notícias:

Tags

Últimas Notícias


LEIA TAMBÉM