Estilo de Vida

Escutar móveis arrastando no teto? Conheça as razões nada sobrenaturais

Não tem a ver com seus vizinhos nem com fantasmas

Escuchar que mueven muebles por las noches es tan molesto como común

A maioria das pessoas, especialmente aquelas que vivem em prédios, alguma vez se incomodaram ao ouvir como alguém está arrastando móveis no meio da noite acima do teto.

Em certo momento, chegamos a pensar que os vizinhos sofrem de insônia e decidiram modificar a distribuição de sua casa, movendo cadeiras, vitrines, mesas e outros móveis sem nos levar em consideração.

No dia seguinte, quando perguntamos se eles estavam trocando os móveis de lugar, costumam negar. Isso nos deixa estupefatos e, como acontece várias vezes ao ano, começamos a acreditar em fantasmas.

No entanto, esses e outros barulhos no teto que ressoam no seu apartamento têm algumas explicações mais razoáveis que pouco têm a ver com os inquilinos ou seres do além.

O significado

A verdade está na infraestrutura do imóvel. Especialmente se for um prédio com mais de dez anos. A fonte dos sons pode variar de tubulações a contração de materiais.

Além disso, a acústica dos apartamentos não é projetada para isolar sons do teto. Em uma entrevista ao ‘The Sunday Times’ (via ‘Home & Decor Singapore’), engenheiros explicaram o fenômeno.

Chong Kee Sen, membro da Instituição de Engenheiros de Singapura, declarou na palestra que os sons podem ser amplificados ou alterados de acordo com o meio que transporta as ondas sonoras.

"O som que ouvimos ao viajar através da laje do piso acima de nós não significa necessariamente que o som tenha se originado diretamente acima de nós", observou.

"O som poderia ter se originado em outro lugar e ser ouvido enquanto viaja horizontal ou verticalmente através do piso acima de nossas cabeças", observou.

O topógrafo de edifícios Crispin Casimir lançou luz sobre o assunto ao expor que as estruturas de concreto armado "são muito eficazes na transmissão de ruído".

"O som também pode viajar através de janelas abertas", acrescentou. Da mesma forma, o diretor da empresa de engenharia Vertes Technologies, Chiam Soon Kiam, deu uma explicação semelhante.

"Os apartamentos são construídos numa única estrutura e, portanto, o som pode viajar através da estrutura de algumas unidades acima, abaixo ou ao lado...", disse.

Além disso, ele destacou que "o som aéreo pode ser transmitido através de janelas, portas, aberturas ou espaços de circulação". Em outras ocasiões, os ruídos ouvidos durante a noite podem ser devido à expansão ou contração de materiais.

"Por exemplo, se fossem conectados ou instalados tubos de aço ou plástico na parede ou no chão, os movimentos diferenciais podem produzir um ruído que posteriormente poderia se propagar pelo chão ou pela parede, e poderia ser ouvido mais longe da fonte", destacou Chong.

Hay muchas explicaciones sobre por qué escuchamos que arrastran muebles en el techo

O político de Singapura Baey Yam Keng juntou-se à explicação de um caso em seu país. “Houve um vizinho que reclamou que outros estavam fazendo barulho, mas descobrimos que era um cano de água”.

"Ele se mexia ligeiramente quando alguém abria a torneira. Parecia como se os móveis estivessem se mexendo. Depois que o encanador consertou o cano, o barulho parou", contou.

Alguns ruídos podem ser difíceis de rastrear, mas a doutora Lily Neo comentou que às vezes nossa percepção dos sons "também tem a ver com nosso estado psicoemocional".

"À noite, os ruídos parecem mais agudos, especialmente quando você está sozinho e sem outras distrações. É nesse momento que as pessoas se concentram mais em seus próprios pensamentos...", expôs.

O político Zaqy Mohamad concordou com sua opinião. "Durante o dia há ruído ambiental, enquanto à noite os sons se tornam mais perceptíveis", considerou.

Outra explicação...

Agora, em sua coluna para o jornal catalão ‘Ara’, o escritor espanhol Fernando Trias de Bes refletiu sobre isso e deu sua explicação sobre o barulho de móveis sendo arrastados que ouvimos à noite.

"A explicação é que ouvimos móveis se moverem quando sabemos que temos que enfrentar mudanças em nossa vida. Uma mudança de trabalho, de orientação profissional, de parceiro, de cidade, de estilo de vida", escreveu.

"Muitas vezes mudamos de vida sem mudar de apartamento. A mente está inquieta e um pequeno movimento da cadeira do vizinho ao se levantar da mesa nos parece o movimento de um guarda-roupa gigante. Ou apenas varrem e parece que arrastam camas", acrescentou.

"É a nossa mente, sujeita a distorções da percepção de acordo com nossos pensamentos, nossas preocupações. A partir de agora, quando ouvir móveis se movendo à noite, não se pergunte 'mas o que diabos estão fazendo?', mas sim 'mas o que diabos estou fazendo?'", aconselhou.

Hay muchas explicaciones sobre por qué escuchamos que arrastran muebles en el techo
Tags

Últimas Notícias


LEIA TAMBÉM