Saúde e Bem-estar

Práticas simples de yoga que vão te ajudar a lidar com o estresse

A meditação, por exemplo, permite que você relaxe e adquira uma maior consciência emocional.

Yoga

O yoga é uma prática muito popular no mundo todo que tem como principal objetivo trabalhar o corpo e a mente por meio de exercícios que proporcionam alívio para diversos problemas diários, como, por exemplo, dores nas costas, ansiedade e estresse.

Este último acomete diversas pessoas e pode ser prejudicial para a saúde emocional e física. Por isso, é importante tratá-lo com atenção, e a yoga é capaz de ajudar.

E, mesmo que na presença de estresse excessivo seja indispensável o auxílio de um especialista, que tal conhecer práticas de yoga que podem ajudar a lidar com os casos mais simples? Confira 3 a seguir, de acordo com o portal Melhor Com Saúde:

Recomendados

1. Exercícios respiratórios

Embora, a princípio, você pense que isso aumenta a ansiedade e o estresse, o fato é que esses exercícios podem reduzi-los de uma forma eficaz.

Muitos dos exercícios de respiração praticados na yoga não devem ser praticados apenas durante uma sessão, mas também em casa. Alguns deles são: respiração abdominal, que com uma das mãos sobre o abdômen, você deve tentar preenchê-lo com ar, segurar por alguns segundos e depois expirar.

O outro é conhecido como respiração 4-7-8 que, enquanto você respira profundamente, conta até 4. Ao alcançar este número, deve-se prender a respiração e contar até 7. Depois, basta expelir novamente e contar até 8.

2. Meditação

A meditação permite parar e observar seus pensamentos. Assim, você consegue relaxar e adquirir uma maior consciência emocional.

Ao meditar, você mantem uma respiração lenta, na qual se concentra em um pensamento que se aproxima e faz sua mente vagar. O ideal é passar o máximo de tempo possível atenta ao momento presente, controlando os pensamentos de passado e futuro que podem causar estresse.

A meditação pode ser feita sentada em posição de lótus, mas também deitada ou sentada encostada em uma parede. O importante é adotar uma posição em que se sinta confortável.

3. Relaxamento progressivo dos músculos

O relaxamento progressivo dos músculos consiste em focar em cada parte do corpo e o percorrer de cima a baixo, tencionando e relaxando os músculos. Por exemplo, é normal começar com as pernas tensas durante a inspiração e depois relaxá-las na expiração. Isso deve ser feito com o resto do corpo: glúteos, braços, mãos, olhos e até mesmo com a boca, colocando a língua para fora.

· · ·

Leia também:

https://www.novamulher.com/estilo-de-vida/2023/09/26/6-truques-simples-que-vao-ajudar-voce-a-continuar-praticando-exercicios-mesmo-nos-dias-de-muito-calor/

https://www.novamulher.com/estilo-de-vida/2023/09/23/proteja-o-seu-cabelo-do-cloro-da-piscina-com-essas-dicas-simples-e-maravilhosas/

· · ·

Aviso

Este texto é de caráter meramente informativo e não tem a intenção de fornecer diagnósticos nem soluções para problemas médicos ou psicológicos. Em caso de dúvida, consulte um especialista antes de começar qualquer tipo de tratamento.

· · ·

Siga e compartilhe

Você gostou deste conteúdo? Então siga a NOVA MULHER nas redes sociais para acompanhar mais novidades e ter acesso a publicações exclusivas: estamos no Twitter, no Instagram e no Facebook.

Aproveite e compartilhe os nossos textos. Seu apoio ajuda a manter este site 100% gratuito. Cada contribuição é muito valiosa para o trabalho da nossa equipe de redatores e jornalistas.

Tags

Últimas Notícias


LEIA TAMBÉM