Sexualidade

Pesquisa descobre o número de mulheres que realmente chegam ao orgasmo durante o sexo com homens

A diferença entre mulheres e homens na hora de atingir o orgasmo é algo a ser considerado

Pesquisa descobre o número de mulheres que realmente chegam ao orgasmo durante o sexo com homens
Pesquisa descobre o número de mulheres que realmente chegam ao orgasmo durante o sexo com homens (Foto: Reprodução/Getty Images)

O orgasmo, se alcançado, é uma coisa maravilhosa. Todos podem concordar que fazer sexo é uma atividade muito divertida. Mas sejamos realistas, todos sabemos que existe uma enorme lacuna de orgasmo entre homens e mulheres.

ANÚNCIO

Mas, de acordo com uma nova pesquisa feita pela Durex e divulgada pelo Huffpost britânico, isso não é apenas uma pequena lacuna, é um vazio, porque o estudo mostrou que as mulheres têm até quatro vezes menos orgasmos em média do que um homem sexualmente ativo.

Na pesquisa com 2.000 adultos, apenas 5% das mulheres diriam que provavelmente sempre tiveram orgasmo durante o sexo, em comparação com 20% dos homens. E esse número só diminui quando se considera o sexo com penetração, com 4 em cada dez (40%) mulheres sexualmente ativas versus cerca de 1 em cada 10 homens (12%) dizendo que nunca ou muito raramente atingem o orgasmo apenas com essa atividade.

Fingir orgasmos é muito comum entre as mulheres e, de acordo com esta pesquisa, quase metade (43%) das mulheres no Reino Unido, em algum momento fingiu um orgasmo para não ferir os sentimentos de seus parceiros ou apenas para acabar logo com o ato sexual.

Então, quais passos alguém pode tomar para fechar a lacuna do orgasmo? A especialista em sexo Alix Fox, em entrevista ao Huffpost, forneceu algumas dicas e conselhos sobre como garantir que todos tenham orgasmos.

Preliminares

Quando se trata de terreno mútuo no quarto, as preliminares são a chave para ambos os sexos alcançarem o orgasmo, diz Fox. Não se apresse em penetração imediatamente. As preliminares devem ser o foco principal na tentativa de alcançar o grande O.

Abordagens diferentes

Quando se trata de diferentes necessidades no quarto entre homens e mulheres, a experimentação com brinquedos sexuais é um grande ponto de diferença. Quase um quinto (19%) das mulheres citou isso como uma das maneiras pelas quais elas têm maior probabilidade de chegar ao orgasmo.

ANÚNCIO

Os brinquedos sexuais podem desempenhar um papel muito importante no aumento do prazer sexual e levá-lo ao orgasmo.

Comunicação

Todo mundo busca o prazer de forma diferente. E todos atingem seu clímax por meio de métodos diferentes. No final do dia, você sabe o que funciona melhor para você, então transmita essa informação ao seu parceiro para obter o máximo de resultados - e aprenda também seus pontos de prazer.

“Pergunte, ouça e aprenda como seu parceiro gosta de ser tocado. Desenvolva maneiras de conversar de maneira confortável e construtiva sobre sexo juntos e torne isso um hábito regular, pois humores, necessidades e desejos podem mudar com o tempo”, diz Fox.

Aproveite esse tempo extra

Só porque uma pessoa atingiu o clímax não significa que você pare a atividade completamente. Certifique-se de que você e seu parceiro estejam estimulados o suficiente para ficarem satisfeitos. E reserve um tempo extra para garantir que todos tenham seu final feliz.

· · ·

+ SEXUALIDADE:

Rachel Bilson está mudando o discurso sobre orgasmos femininos; saiba porquê

Positividade sexual depois dos 70: fotógrafa norte americana faz fotos de casais em seus anos dourados

· · ·

Siga e compartilhe

Você gostou deste conteúdo? Então siga a NOVA MULHER nas redes sociais para acompanhar mais novidades e ter acesso a publicações exclusivas: estamos no Twitter, no Instagram e no Facebook.

Aproveite e compartilhe os nossos textos. Seu apoio ajuda a manter este site 100% gratuito. Cada contribuição é muito valiosa para o trabalho da nossa equipe de redatores e jornalistas.

ANÚNCIO

Recomendado:

Tags


Últimas Notícias