Saúde e Bem-estar

Como lidar com o suor embaixo dos seios

Esse processo ajuda a regular a temperatura do corpo, mas pode ser um incômodo muitas vezes

Com as temperaturas mudando a cada dia que passa, às vezes podemos ter um dia de muito calor no meio do inverno que faz a gente suar bastante. Isso é um processo biológico do corpo para regular a temperatura e nos manter vivos, mas além da coceira e do incômodo, vem junto uma preocupação com o suor embaixo dos seios, ainda mais quando a gente usa um sutiã esportivo e vê que depois desses momentos apareceu uma espinha indesejada lá.

Leia também:

Lizzo revela que não acredita em monogamia

Esse é um processo normal e não precisamos nos envergonhar por isso, sendo não recomendado evitar essa situação, já que isso mostra que estamos nos exercitando e nos mantendo hidratados.

Este sentimento é ecoado pelo Dr. Aamer Khan, diretor clínico e diretor administrativo da The Harley Street Skin Clinic. “Quando a pele toca a pele, impede que o suor evapore”, explica ele. “Isso significa que a área sob os seios pode acumular suor. Fricção, o tipo errado de sutiã e a falta de circulação de ar também podem tornar o suor sob os seios um verdadeiro problema de verão.”

A transpiração excessiva nos seios pode ser por conta dos hormônios, onde vemos que estamos suando do nada mais do que o normal, além do surgimento de coceiras, rachaduras e vermelhidão na pele, podendo ser uma infecção por fungos. Algumas coisas ajudam a lidar com o suor nos seios, como:

- Abandonar materiais sintéticos, buscando sempre itens respiráveis ainda mais para se exercitar;

- Usar protetores de calcinha que ajudam a enxugar o suor;

- Utilizar um talco no lugar para prevenir irritações, atritos e erupções;

- Sempre usar óleo de argan para reduzir a vermelhidão, reparar a pele e hidratar;

- Ter lenços umedecidos por perto que ajudam o suor a não se misturar com as bactérias, mantendo a pele limpa;

- Evitar sutiãs e tops apertados, que podem trazer mais atrito, além de sempre colocar roupas limpas e secas após suar.

· · ·

Aviso

Este texto é de caráter meramente informativo e não tem a intenção de fornecer diagnósticos nem soluções para problemas médicos ou psicológicos. Em caso de dúvida, consulte um especialista antes de começar qualquer tipo de tratamento.

· · ·

Siga e compartilhe

Você gostou deste conteúdo? Então siga a NOVA MULHER nas redes sociais para acompanhar mais novidades e ter acesso a publicações exclusivas: estamos no Twitter, no Instagram e no Facebook.

Aproveite e compartilhe os nossos textos. Seu apoio ajuda a manter este site 100% gratuito. Cada contribuição é muito valiosa para o trabalho da nossa equipe de redatores e jornalistas.

Tags

Últimas Notícias


LEIA TAMBÉM