Saúde e Bem-estar

Cientistas descobrem que colesterol ‘bom’ pode ajudar a prevenir o mal de Alzheimer

Pesquisadores acompanharam 180 pessoas com mais de 60 anos

De acordo com o portal Dr. Axe (em inglês), um estudo publicado no Alzheimer’s & Dementia — The Journal of the Alzheimer’s Association propõe que “pequenas partículas de lipoproteína de alta densidade (HDL) reduzem o risco de doença de Alzheimer em virtude de sua capacidade de trocar lipídios, afetando a composição da membrana neuronal e vascular e funções sinápticas”.

Pesquisadores acompanharam 180 indivíduos com mais de 60 anos (a idade média era 77 anos) e mediram os níveis de HDL — o “colesterol bom”. Uma ligação foi encontrada entre um número maior de pequenas partículas de HDL e dois indicadores críticos que parecem oferecer proteção contra a doença de Alzheimer.

“O primeiro indicador foi como um melhor desempenho em testes de memória, pensamento e/ou cognitivos foi associado a indivíduos com níveis mais altos de pequenas partículas de HDL em seu líquido cefalorraquidiano”, explicou a fonte.

· · ·

Se você está gostando deste texto, é provável que também se interesse por:Artrite: não há evidências de que a dieta ajude no tratamento

· · ·

“O segundo indicador do efeito protetor? Aqueles com níveis mais altos de pequenas partículas de HDL no cérebro também possuíam níveis mais altos de beta amiloide 42 em seu líquido cefalorraquidiano”, acrescentou. “De acordo com este mesmo estudo, níveis mais altos desse peptídeo estão ligados a um menor risco de DA.”

Sendo assim, cientistas sugerem que partículas de HDL podem auxiliar futuros tratamentos para a doença de Alzheimer precoce, por exemplo.

· · ·

Aviso

Este texto é de caráter meramente informativo e não tem a intenção de fornecer diagnósticos nem soluções para problemas médicos ou psicológicos. Em caso de dúvida, consulte um especialista antes de começar qualquer tipo de tratamento.

· · ·

Siga e compartilhe

Você gostou deste conteúdo? Então siga a NOVA MULHER nas redes sociais para acompanhar mais novidades e ter acesso a publicações exclusivas: estamos no Twitter, no Instagram e no Facebook.

Aproveite e compartilhe os nossos textos. Seu apoio ajuda a manter este site 100% gratuito. Cada contribuição é muito valiosa para o trabalho da nossa equipe de redatores e jornalistas.

Tags

Últimas Notícias


LEIA TAMBÉM