Saúde e Bem-estar

Colesterol ‘bom’ diminui o risco de desenvolver mal de Alzheimer, defendem cientistas

Pesquisadores apontam ligação entre colesterol e Alzheimer

Senhora

Em estudo (link em inglês) publicado na Alzheimer’s & Dementia, a revista da Associação do Alzheimer, pesquisadores defendem a conexão entre o HDL (popularmente conhecido como colesterol “bom”) e o risco de doença de Alzheimer. Os resultados sugerem que níveis mais altos de HDL estão associados a um menor risco de desenvolver o mal de Alzheimer.

A investigação incluiu 180 participantes com 60 anos ou mais e membros do Centro de Pesquisa da Doença de Alzheimer da Universidade do Sul da Califórnia, nos Estados Unidos.

“Os pesquisadores […] descobriram que níveis mais altos das pequenas partículas de HDL estavam associados a uma melhor função cognitiva entre os participantes”, reporta o portal Medical News Today (em inglês).

· · ·

Se você está gostando deste texto, é provável que também se interesse por:Glicose: como manter o açúcar no sangue ‘normal’ com uma dieta anti-inflamatória

· · ·

Os resultados podem levar ao desenvolvimento de novos tratamentos para o Alzheimer. O autor do estudo, Hussein Yassine, disse à mesma fonte: “a descoberta de partículas lipídicas no sangue levou a vários avanços na descoberta de medicamentos para tratamento e prevenção de doenças cardiovasculares.”

“Agora que temos esse biomarcador, o nosso próximo passo é descobrir o que promove a formação dessas pequenas partículas de HDL no cérebro. Essas novas descobertas podem levar a uma nova lista de medicamentos para a luta contra o mal de Alzheimer.”

· · ·

Aviso

Este texto é de caráter meramente informativo e não tem a intenção de fornecer diagnósticos nem soluções para problemas médicos ou psicológicos. Em caso de dúvida, consulte um especialista antes de começar qualquer tipo de tratamento.

· · ·

Siga e compartilhe

Você gostou deste conteúdo? Então siga a NOVA MULHER nas redes sociais para acompanhar mais novidades e ter acesso a publicações exclusivas: estamos no Twitter, no Instagram e no Facebook.

Aproveite e compartilhe os nossos textos. Seu apoio ajuda a manter este site 100% gratuito. Cada contribuição é muito valiosa para o trabalho da nossa equipe de redatores e jornalistas.

Tags

Últimas Notícias


LEIA TAMBÉM