Comportamento e Relacionamento

Isto é o que as mulheres solteiras +30 querem descobrir sobre o parceiro no primeiro encontro

Após os 30 anos, as prioridades mudam para as mulheres solteiras

A psicóloga Amanda Fitas utiliza seu Instagram para produzir conteúdos bem interessantes sobre a vida de mulheres solteiras.

Um deles se destacou bastante, conquistando mais de 100 mil curtidas, e revela o que as mulheres com mais 30 anos querem descobrir sobre o parceiro no primeiro encontro.

Se antes a prioridade era saber sobre esportes, o que ele gosta de fazer nas horas vagas, após os 30 as dúvidas são outras: faz terapia? Tem problemas com a ex? Tem uma relação de dependência com os pais?

Afinal, por que as prioridades mudam?

O vídeo viralizou e, apesar do seu tom de humor, tem questões que, de fato, são bem relevantes. Por exemplo:

Terapia

Pode parecer besteira perguntar se uma pessoa faz terapia, mas isso é super importante. Afinal, se o parceiro faz análise, isso mostra que ele tem interesse em se conhecer e resolver seus problemas internos.

Problemas com a ex

A ex era louca, ciumenta e possessiva. Falar mal da ex é um ponto de alerta. Não queremos dizer que todas as mulheres são santas. No entanto, quando o cara, simplesmente, não consegue enxergar onde errou na relação isso pode ser sinal de que ele é imaturo emocionalmente.

Dependência com os pais

Outro ponto abordado no vídeo e que é bem interessante: a dependência com os pais. Muitas pessoas, com 30+, já não querem uma relação casual (não são todas, não estamos generalizando).

Elas querem alguém maduro para construir algo e, vamos ser sincera, um cara com dependência com os pais pode ser bem problemático, já que existem questões da infância que ele ainda não resolveu e pode reproduzir na vida adulta.

+ Comportamento

Cansada de estar solteira? Isto é o que os terapeutas querem que você saiba

Os filmes que mulheres solteiras podem assistir para se sentirem representadas

Não ter tempo suficiente sozinha pode ser um problema, segundo especialista

Siga e compartilhe

Você gostou deste conteúdo? Então siga a NOVA MULHER nas redes sociais para acompanhar mais novidades e ter acesso a publicações exclusivas: estamos no Twitter, no Instagram e no Facebook.

Aproveite e compartilhe os nossos textos através das redes sociais e dos aplicativos de mensagem. O seu apoio ajuda a manter este site 100% gratuito. Cada contribuição é muito valiosa para o trabalho da nossa equipe de redatores e jornalistas.

Tags

Últimas Notícias


LEIA TAMBÉM