Saúde e Bem-estar

Com que frequência temos que trocar a escova de dentes?

Esse hábito é super importante para manter nossa saúde

A escova de dentes, por mais que seja algo “mundano” na nossa rotina de beleza, é na verdade uma das partes mais importantes para deixar nossos dentes bonitos e saudáveis. 12 milhões de pessoas estão mais preocupadas com a saúde bucal do que nos últimos anos, buscando trocar a escova manual pela escova elétrica nos últimos cinco anos.

Leia também:

Mitos e verdades da pílula do dia seguinte

Mesmo investindo na tecnologia ou não - e se você puder investir vale a pena, já que é comprovada a eficácia em deixar nossos dentes mais elegantes e longe de doenças de gengiva - existe uma parte fundamental que precisamos nos atentar, mas sempre esquecemos: a frequência que precisamos trocar a escova.

42% das pessoas não tem o costume de trocar a escova de dentes ou a cabeça da escova eletrônica, e isso faz com que a eficácia da escovação diminua. Especialistas dizem que é necessário fazer a troca a cada três meses, para não correr o risco de danificar nossas gengivas ou não limpar os dentes corretamente.

Se as cerdas estão desgastadas, esse é outro sinal de que você precisa trocar a escova, mesmo quando isso acontece antes do prazo dos três meses. Caso você tenha Covid ou qualquer outra doença recentemente, também é o momento de trocar a escova de dentes por uma nova, para poder se recuperar por completo da infecção viral.

Manter a limpeza em dia é essencial, já que ajuda também a reduzir o risco de doenças cardiovasculares e pneumonia. Para melhorar ainda mais esse hábito, vale investir em uma pasta de dentes com flúor, movimentos circulares suaves e não esquecer de usar fio dental antes da escovação.

⋅ ⋅ ⋅

Aviso

Este texto é de caráter meramente informativo e não tem a intenção de fornecer diagnósticos nem soluções para problemas médicos ou psicológicos. Em caso de dúvida, consulte um especialista antes de começar qualquer tipo de tratamento.

⋅ ⋅ ⋅

Siga e compartilhe

Você gostou deste conteúdo? Então siga a NOVA MULHER nas redes sociais para acompanhar mais novidades e ter acesso a publicações exclusivas: estamos no Twitter, no Instagram e no Facebook.

Aproveite e compartilhe os nossos textos. Seu apoio ajuda a manter este site 100% gratuito. Cada contribuição é muito valiosa para o trabalho da nossa equipe de redatores e jornalistas.

Tags

Últimas Notícias


LEIA TAMBÉM