Estilo de Vida

Como é um casamento no Metaverso?

A legalidade do evento ainda é uma questão

Depois de várias mudanças com as novidades do Meta (ex-facebook), Mark Zuckerberg incentivou os usuários a explorarem mais o mundo virtual para seus afazeres e atividades, seja dentro ou fora da plataforma. E foi o que fez um casal dos Estados Unidos no último sábado, 04 de dezembro, ao realizarem uma cerimônia de casamento dentro do Metaverso. Traci e Dave Gagnon utilizaram o ambiente que foi construído virtualmente pela Virbela para celebrar o momento, mas o assunto entrou ainda mais em voga por conta da legalidade dele, sendo grande alvo de discussões.

Os convidados assistiram tudo por um aplicativo, depois de fazer cadastro e personalizar seus avatares para o evento, como detalha o site da Virbela. A cerimônia foi bem parecida com um casamento tradicional, e contou com recepcionistas, a noiva andando ao altar, discurso dos padrinhos e até brinde aos noivos. Como o casal se conheceu na internet, eles acharam que a melhor forma de celebrar um casamento seria no mundo virtual também.

Depois do casamento virtual se tornar um sucesso, muito por conta da onda que começou no Animal Crossing já que não poderiam se casar presencialmente por causa da pandemia, a atividade vem ficando cada vez mais comum, mas sua legalidade está sendo questionada. Em alguns lugares como Nova York, por exemplo, já existem leis que não reconhecem os casamentos realizados de forma virtual, até os feitos por videochamadas, tornando o casamento virtual apenas uma encenação.

Há quem prefira essa modalidade, já que se torna mais rápida e barata, e na hora de dar os presentes é possível utilizar NFT. E você, o que acha?

⋅ ⋅ ⋅

Siga e compartilhe

Você gostou deste conteúdo? Então siga a NOVA MULHER nas redes sociais para acompanhar mais novidades e ter acesso a publicações exclusivas: estamos no Twitter, no Instagram e no Facebook.

Aproveite e compartilhe os nossos textos através das redes sociais e dos aplicativos de mensagem. O seu apoio ajuda a manter este site 100% gratuito. Cada contribuição é muito valiosa para o trabalho da nossa equipe de redatores e jornalistas.

Tags

Últimas Notícias


LEIA TAMBÉM