Saúde e Bem-estar

Jejum intermitente: as 4 razões pelas quais você deve consultar seu nutricionista antes de iniciar esse estilo de vida

Nos últimos anos, as tendências de fitness e estilo de vida saudável tornaram-se cada vez mais relevantes, não apenas pela aparência física, mas pela saúde. Recentemente, temos visto o jejum intermitente se tornar um método amplamente utilizado por celebridades e influenciadores.

Este modo de alimentação é caracterizado por entre 12 e 18 horas sem ingerir qualquer tipo de alimento ou bebida (além de água) e distribuir todos os alimentos que nosso corpo precisa nas demais horas do dia.

Embora muitas pessoas tenham expressado os benefícios em termos de controle de peso e saúde, é importante entender que nem todos devem adotá-lo.

Na verdade, é melhor consultar um nutricionista antes de iniciar esse tipo de alimentação.

 

Aqui estão as razões para ver um nutricionista antes de iniciar o jejum intermitente

Pode ser prejudicial para pessoas com certas patologias

Aqueles com problemas de coração, tireóide, hormonal, diabetes ou outras patologias devem consultar um especialista se esse método é adequado e definir uma dieta ideal.

 

Efeitos colaterais

Iniciar esse estilo de vida pode causar alguns efeitos colaterais, e seu médico deve determinar se cada paciente pode resistir a eles. Estes incluem irritabilidade, dor de cabeça, náusea, fadiga e dor abdominal em alguns casos.

 

Saber o que comer é crucial

Tendo menos horas para comer tudo o que seu corpo precisa, é essencial que você tenha uma orientação profissional e que o nutricionista estabeleça uma dieta projetada para suas características pessoais, como tipo de trabalho, percentual de gordura, atividade física e outras particularidades.

 

Tem um cronograma limitador

Uma boa realização do jejum intermitente requer muito cuidado pelo pouco tempo que temos para nos alimentar. O especialista vai ajudá-lo a adaptar sua dieta ao horário que melhor lhe convém.

Tags

Últimas Notícias


LEIA TAMBÉM