Famosos

O que os estaria afastando do trono? William e Kate Middleton não gostariam de ser reis

Os monarcas não estariam com vontade de adiantar uma coroação, apesar da saúde do Rei Charles III

Príncipe William / Kate Middleton

O príncipe William e sua esposa Kate Middleton têm estado sob os holofotes nas últimas semanas, não apenas pelos problemas de saúde enfrentados pela princesa, mas também pela batalha contra o câncer que o Rei Charles III estaria enfrentando, o que levantou preocupações sobre uma possível sucessão ao trono.

A família real estaria passando por um dos momentos mais complicados devido às baixas que tiveram em sua linha de sucessão, o que levou as responsabilidades a recair sobre o príncipe de Gales; apesar da ajuda que teve de Camila Parker nos últimos dias, ela decidiu tirar alguns dias de descanso.

São muitos os seguidores da casa real britânica que esperam ver William e Kate coroados devido ao carinho e respeito que conquistaram no Reino Unido, no entanto, uma especialista em realeza garantiu que esse não é o desejo deles.

Recomendados

Kate e William não querem ser reis?

A especialista em monarquia britânica, Lady Colin Campbell, falou com o jornal 'Mujer Hoy' sobre a tensa situação vivida no Palácio de Buckingham e afirmou que, embora esteja próxima de ver William e Kate como reis da Inglaterra, isso não acontecerá por enquanto e que, na verdade, não é uma situação desejada por eles. Portanto, apesar do sofrimento do rei, não está previsto que ele abdique.

“Não acredito que William queira ser rei agora. Catherine também não quer ser rainha neste momento. Nenhum dos dois quer, mas se a situação lhes fosse imposta pelas circunstâncias que fossem, e William aceitasse o Trono, estou segura de que estão muito preparados para fazê-lo. Além disso, fariam muito bem. As pessoas estão se unindo em torno do rei Charles. Já se viu na coroação. Foi um sucesso inesperado. As pessoas o querem de uma forma que superou todas as expectativas”, disse.

Sobre a doença do monarca, ele manifestou que vê de forma positiva o panorama por ter sido detectada a tempo e pediu respeito pela informação fornecida a partir do mais íntimo do palácio.

“Até agora, foi dito que o câncer foi detectado a tempo e o prognóstico é bom. Nós temos que manter essa ideia, mesmo que seja apenas por respeito ao rei”, acrescentou.”

Tags

Últimas Notícias


LEIA TAMBÉM