Famosos

Princesa Diana bateu em Harry para corrigir o filho em caso de racismo

Lady Di fez o filho escrever uma carta de desculpas guardada até hoje pelo oficial de polícia

Princesa Diana era reconhecida e admirada em todo o mundo por sua postura digna dos sonhos com a realeza, embora a vida real não fosse perfeita.

Em um livro que conta bastidores da família real britânica, o jornalista Robert Jobson, revelou situações inesperadas e chocantes. Uma delas envolvendo o príncipe Harry ainda criança, sua mãe, a princesa Diana e um motorista de ônibus.

Segundo o jornalista, a princesa Diana e seus filhos, William e Harry, estavam tirando o dia para lazer e para isso eles mobilizaram o departamento da coroa relacionado à segurança dos membros da família real, chefiado por Ken Wharfe.

Recomendados

Os garotos e a princesa estavam passeando por Londres em um ônibus, quando o Harry, com 8 anos na época, deixou a mãe completamente envergonhada.

O jornalista revelou no livro que “No ônibus, Diana teve de falar para Harry parar de imitar o sotaque indiano do motorista do ônibus toda vez que um passageiro deva sinal para descer”.

“O motorista, um jovem vestindo um turbante amarelo, estava tranquilo sobre o racismo de Harry, mas Diana ficou enfurecida. A princesa, de tão incomodada, pediu para o funcionário que organizou o passeio, que queria voltar para o palácio”, disse o jornalista.

“Diana, William e Harry desceram no Green Park e imediatamente Diana bateu em Harry e disse: ‘Nunca mais faça isso de novo’. Ela ficou tão brava que fez Harry escrever uma carta de desculpas por seu comportamento e por ter estragado o trabalho de Ken Wharfe”, descreve o relato.

Los fans quedaron sorprendido por el parecido de los actores de The Crown con la familia real

O jornalista garante ter conversado com Ken Wharfe, que confirmou o incidente e a existência da carta de desculpas.

Inclusive, segundo o jornalista, o oficial de polícia responsável pela proteção de Diana, Ken Wharfe, ainda guarda a carta escrita por Harry a mando da mãe, Diana.

“Como ele ainda era uma criança, eu penso que Harry deve ser perdoado, mas isso demonstra claramente que Diana não tolerava nenhuma forma de racismo de seus dois filhos”, adicionou o jornalista.

· · ·

Leia também:

Ex-namorada do príncipe Harry disse que ele não é feliz no casamento com Meghan Markle: “manipuladora e controladora”

Príncipe Harry e Meghan Markle estão sendo acusados de não repassar R$ 50 milhões para doações

· · ·

Siga e compartilhe

Você gostou deste conteúdo? Então siga a NOVA MULHER nas redes sociais para acompanhar mais novidades e ter acesso a publicações exclusivas: estamos no Twitter, no Instagram e no Facebook.

Aproveite e compartilhe os nossos textos. Seu apoio ajuda a manter este site 100% gratuito. Cada contribuição é muito valiosa para o trabalho da nossa equipe de redatores e jornalistas.

Tags

Últimas Notícias


LEIA TAMBÉM