Famosos

30 anos sem Freddie Mercury; veja curiosidades do astro do rock

Vocalista da banda Queen morreu em decorrência da AIDS no início dos anos 1990

Freddie Mercury é com certeza uma das figuras mais emblemáticas do rock mundial e é lembrado até hoje por fãs de diversas gerações. O cantor faleceu no dia 24 de novembro de 1991 em decorrência da AIDS, doença para o qual, na época, ainda não existia muitos tratamentos. Mercury teve uma carreira de sucesso, era amigo de princesa Diana e outras personalidades e gostava de festas extravagantes, no entanto, era retratado por pessoas próximas como uma pessoa tímida e reservada. Confira abaixo algumas curiosidades sobre o vocalista do Queen.

Mudança de nome

Nascido em 5 de setembro de 1946, na cidade de Zanzibar, na Tanzânia, o nome de batismo do cantor era Farrokh Bulsara. O nome Freddie era seu apelido de infância, já o Mercury veio de uma canção composta pelo vocalista do Queen. My Fairy King foi lançada em 1973 e trazia a menção a “Mother Mercury”.

Arte nas veias

Freddie teve suas primeiras aulas de piano ainda criança, com apenas 7 anos de idade, em uma escola que frequentou durante a infância na Índia. Na universidade, o cantor estudava design gráfico, uma maneira de expressar sua arte por meio de desenhos.

O nascimento do Queen

Em 1964, Freddie se muda com a família para a Inglaterra e lá conhece Brian May e Roger Taylor, seus companheiros de banda que, a princípio se chama Smile. A mudança de nome foi sugerida pelo próprio Freddie que desenhou ele mesmo o icônico símbolo da banda. Ele partiu para um conceito bem místico, colocando os signos dos integrantes, coroa e uma fênix.

Melhor cantor da história

Mercury é considerado pela ciência como o melhor cantor da história. A explicação para tal estava em sua arcada dentária, os dentes avantajados ajudavam a potencializar a voz do cantor. Freddie nunca quis remover os sisos, por exemplo, por medo de que isso afetasse a sua performance.

Freddie muito além do Queen

Freddie Mercury era um artista completo. Prova disso são seus outros trabalhos fora da cena do rock, como quando cantou ópera ao lado de Montserrát Caballé.

Em 2018 foi lançado o filme ‘Bohemian Rhapsody’, que conta a trajetória da banda Queen e outros detalhes sobre a vida de Freddie Mercury.

Tags

Últimas Notícias


LEIA TAMBÉM