logo
/ Unsplash
Bem-estar 09/03/2021

Sintomas que revelam que você sofre de ansiedade crônica

Por : Redação

A ansiedade é um dos transtornos mentais mais comuns entre as mulheres. Em geral, esse problema pode ser tratado adequadamente. A verdade é que, em estados extremos, a ansiedade pode ir para um estado crônico, e isso pode causar deterioração da saúde mental.

Você pode observar alguns sinais que podem ajudá-la a detectar a tempo um estado de ansiedade crônica — e, nesses casos, o mais aconselhável é fazer terapia com especialistas na área.

 

Leia também

 

Os sinais de alerta

Pessoas com ansiedade desenvolvem sentimentos de medo e preocupação, além de outros sintomas físicos, como tensão muscular. Mas há outros:

 

Angústia extrema e constante

Há pessoas que sentem níveis extremamente altos de ansiedade. O preocupante é saber se esses níveis elevados duram muito tempo. Se for esse o caso, é recomendável que você seja tratada com terapia.

Isso se caracteriza porque a pessoa nem mesmo consegue identificar um motivo específico pelo qual se sente assim. Alguns sintomas são: medo constante, batimento cardíaco acelerado, tontura, dor no peito, falta de ar e pensamentos irracionais.

 

Forte tensão muscular

A ansiedade não é apenas um fenômeno psicológico, mas também se manifesta por meio de sintomas físicos. Uma das mais comuns, quando a ansiedade é crônica, é a forte tensão muscular. Em casos extremos, leva ao aparecimento de tremores.

 

Insônia

A insônia, em qualquer uma de suas formas, é uma das consequências mais comuns de um nível de ansiedade crônica ou excessivamente alto. A falta de sono pode levar a pensamentos negativos e irracionais, ideias estressantes.

 

Desgaste mental e cognitivo

Níveis excessivos de ansiedade podem causar problemas nos processos mentais relacionados ao raciocínio, lógica, bom senso e tomada de decisão, bem como à memória. Esses efeitos negativos dos problemas de ansiedade afetam principalmente o desempenho no trabalho ou nas tarefas domésticas.

 

Outros sintomas

  • Os sintomas mais perigosos quando sofre de ansiedade são: alterações na frequência cardíaca, tensão na cabeça ou no pescoço, náuseas ou diarreia, aperto na garganta e dificuldade em respirar, sensação de desmaio.
  • A ansiedade persistente pode levar a outros problemas, como: depressão e transtorno do pânico grave.
  • A ansiedade pode desencadear o consumo de substâncias nocivas para acalmar o estresse ou o medo, como tabaco e álcool ou outros. Esse é um dos sintomas mais perigosos.

 

Quando ver um médico

  • Se tem pensamentos ou comportamentos suicidas. Em caso afirmativo, procure tratamento de emergência imediatamente.
  • Se você sempre percebe as situações e eventos como uma ameaça à sua vida, mesmo quando não o são.
  • Se tiver todos estes sintomas: tremores, agitação, nervosismo ou tendência a sobressaltos, suores, náuseas, diarreia, irritabilidade, fadiga, distúrbios do sono e problemas familiares ou emocionais graves, como divórcio, separação ou luto.
  • Se sentir que está se preocupando demais e que isso interfere no seu trabalho, nos seus relacionamentos e em outros aspectos da sua vida.
  • Se você se sentir deprimido, tiver problemas com o uso de álcool ou drogas, ou tiver outros problemas de saúde mental além de ansiedade.

 

Leia também