logo
/ Unsplash
Saúde e Bem-estar 09/03/2021

De olho nas espinhas: acne em certas áreas do corpo pode revelar outros problemas de saúde

Por : Redação

A pele pode dizer muito sobre a saúde do corpo. Por isso, é uma boa ideia prestar atenção na acne para ter uma ideia do que está acontecendo no organismo — embora a maioria das erupções se deva simplesmente a poros entupidos. Saiba mais sobre o tema:

 

Leia também

 

Queixo e pescoço

Se você notar acne na parte inferior do rosto, no queixo e no pescoço, há uma boa chance de que os seus hormônios estejam desequilibrados.

Você também pode notar mais acne ao redor da boca recentemente devido ao uso da máscara. Ainda que você não deva deixar de usá-la, é importante limpá-la regularmente para se livrar do acúmulo de gordura e sujeira.

 

Costas e glúteos

Pode ser um efeito colateral de sua medicação. Remédios para tosse, resfriado, transtorno bipolar, desequilíbrio hormonal e problemas de saúde semelhantes podem ser os possíveis culpados.

 

Peito

“A acne afeta com mais frequência o rosto, as costas e o tórax. Então, a acne torácica não é necessariamente diferente da acne facial”, diz o dermatologista Sejal Sha.

“No entanto, há outra condição chamada foliculite, que é basicamente uma inflamação dos folículos pilosos que pode ocorrer no tórax e é muito semelhante à acne”, acrescenta.

 

Virilha

A foliculite não afeta apenas a parte superior do corpo, mas também pode causar irritação e inchaços semelhantes a espinhas na virilha, de acordo com Shah. Pêlos encravados são outro culpado comum. Você pode tratá-los esfoliando suavemente a área.

 

Mandíbula e couro cabeludo

Você tem espinhas doloridas ao longo da mandíbula ou do couro cabeludo? Esse tipo de acne geralmente aumenta quando você toca muito no rosto, não toma banho o suficiente ou tem pele oleosa por causa do estresse ou das oscilações hormonais.

Mas, às vezes, pode ser um sinal de um problema diferente chamado inflamação ovariana, de acordo com o dermatologista Yoram Harth. “Isso causa uma redução na produção normal de estrogênio e, portanto, um desequilíbrio da testosterona”, explica.

O resultado costuma ser visto como aumento de pelos faciais, pele oleosa, acne ao longo da mandíbula, tórax ou costas.

 

Leia também