Alimentos para evitar no Natal se você está grávida

Siga

Nova Mulher
Unsplash

Cuidar da sua dieta se estiver grávida é vital, não importa a época do ano. Mas, durante o Natal, você deve considerar cuidar de si mesma o dobro do necessário.

A razão? O Natal é o momento em que as mulheres, especialmente as grávidas, consomem mais alimentos (alguns saudáveis, outras nem tanto).

 

Quantas calorias?

É por isso que, neste momento, você tem que ter cuidado com o que consome. As refeições de Natal geralmente têm grandes quantidades de calorias.

Durante a gravidez você deve comer cerca de 2,5 mil calorias por dia — mas no Natal essa ingestão calórica pode aumentar para 5 mil por dia se você não controlá-la.

 

Alimentos que você deve evitar no Natal

Frutos do mar e ostras

Mariscos crus, ostras ou defumados são mais propensos a conter parasitas ou bactérias do que alimentos preparados com peixe cozido.

Portanto, no Natal, os frutos do mar crus e/ou defumados devem ser evitados.

 

Salsichas

Esses produtos são feitos com carne crua, por isso o consumo durante a gravidez não é recomendado, especialmente se a mulher não for imunizada.

Como as linguiças cozidas, há o risco de toxoplasmose, um parasita encontrado em carne crua.

Alguns dos danos que ele pode causar são: nascimento prematuro, baixo peso ao nascer, febre, icterícia, atraso no desenvolvimento mental do bebê, convulsões, entre outras doenças.

 

Álcool

Provavelmente uma das bebidas mais frequentes no Natal.

Sobre o consumo de álcool, especialistas em gravidez são claros: “seu consumo deve ser zero”.

Lembre-se que bebidas alcoólicas durante a gravidez podem causar danos muito graves ao futuro bebê.

 

Queijos

Neste momento você deve ter cuidado com certos tipos de queijos devido ao risco de listeriose — particularmente queijos macios, como brie e camembert.

Alguns desses produtos também podem ter uma refrigeração ou embalagem duvidosa que poderia trazer intoxicação pesada.

Queijos seguros para consumir na gravidez são queijos duros, como cheddar e parmesão, e semi-macios, como mussarela.

 

Patês

Outro alimento que não é recomendado para consumir na gravidez são patês ou carnes de uma mesa de frios devido ao risco de listeriose que apresentam.

O que precisamos fazer é verificar se eles são pasteurizados e evitar aqueles que são feitos em casa.

 

Fonte: Nueva Mujer