7 benefícios que o vinho pode oferecer à nossa saúde

Reprodução / Pexels / Burst

Todos sabem que as bebidas alcólicas, em geral, fazem mal à saúde. Entretanto, o vinho parece ser uma exceção (quando consumido com moderação, é claro) .

A bebida produzida pela fermentação do suco de uva é rica em resveratrol, um poderoso antioxidante. Também é rica em polifenóis, benéficos para a saúde (os médicos recomendam de uma a duas taças de 125 ml por dia).

Entretanto, estes estão presentes nas variedades mais escuras: portanto, estamos falando, basicamente, dos vinhos tintos.

O site Tua Saúde preparou uma lista com 7 benefícios que os vinhos podem nos oferecer. Vamos vê-los abaixo?

  1. Diminui o risco de aterosclerose, já que contribui para o aumento dos níveis de HDL (colesterol bom) e inibe a oxidação de LDL (colesterol ruim) nas artérias;
  2. Diminui a pressão arterial, por relaxar os vasos sanguíneos;
  3. Previne o aparecimento de câncer devido às suas propriedades antioxidantes que combatem os radicais livres;
  4. Reduz a inflamação de doenças crônicas como artrite ou problemas na pele, devido a sua ação anti-inflamatória;
  5. Previne o desenvolvimento de trombose, derrame e AVC, por ter ação anti-trombótica, antioxidante e inibidora da agregação plaquetária;
  6. Reduz o risco de problemas cardíacos, como infarto, por combater o colesterol, reduzir a pressão arterial e fluidificar o sangue;
  7. Melhora a digestão, pois aumenta a produção de suco gástrico, estimula a vesícula e melhora a digestão do carboidrato.

E aí, gostou? Mas lembre-se sempre que, quando consumido em excesso, o vinho (assim como qualquer bebida alcoólica) traz mais malefícios que benefícios à nossa saúde.