Você sabe a diferença entre preocupação e ansiedade?

Divulgação - Pinterest

Ao longo de nossas vidas passamos por diversas situações e algumas delas podem nos deixar preocupados, aliás ter preocupação é algo normal. Nos preocupamos com o nosso bem-estar, aparência, com o outro e isso faz parte do nosso ciclo de vida. Mas e quando essa preocupação acontece em excesso?

Existe uma frase popular que diz que “tudo de mais faz mal” e o mesmo serve para a preocupação. Há quem pense, por exemplo, que está preocupado com algo, mas na verdade está sofrendo com um quadro de ansiedade e em muitos casos já evoluídos e com cenários de crises, as famosas “crises de ansiedade”.

Pensando nisso, te perguntamos: você sabe a diferença entre preocupação e ansiedade?

De acordo com a psiquiatra Camila Magalhães, com base nos dados da Organização Mundial da Saúde (OMS), o Brasil é o país com maior índice de transtorno de ansiedade nas Américas. A especialista esclarece que embora sejam parecidas e com sintomas similares, a preocupação e a ansiedade não são a mesma coisa.

Sobre as principais diferenças, Camila explica que a preocupação é algo temporário, ao contrário da ansiedade que é persistente. Além disso, a preocupação se reflete por meio de algo que pode ser verbalizado, enquanto a ansiedade geralmente resulta em sintomas físicos como tensão muscular, entre outros sinais.

Se você ficou curioso e quer entender mais sobre a diferença entre ansiedade e preocupação, assista abaixo um vídeo curtinho com mais detalhes, da doutora Camila Magalhães: