Estudos indicam que dieta MIND previne o Alzheimer

Está comprovado que a dieta MIND previne o Alzheimer

Estima-se que o Brasil conta com 1,2 milhões de pessoas com Alzheimer, segundo o portal Alzheimer Med. A doença neurodegenerativa é desenvolvida por meio do acúmulo anormal de proteínas no cérebro, como a beta-amiloide e a TAU.

Um dos seus principais sintomas é a perda de memória. Além disso, a linguagem, o comportamento e o raciocínio também são afetados conforme a doença avança. Felizmente, os estudos para a prevenção do Alzheimer estão avançando e alguns deles, por exemplo, já identificaram que a alimentação pode ser eficaz na prevenção.

Especialistas da Escola de Medicina da Universidade de Atenas revisaram diversos estudos e identificam que a dieta MIND (dieta do mediterrâneo) é capaz de prevenir tanto o Alzheimer quanto a depressão, AVC e a demência. No entanto, os especialistas alertaram que a dieta não é exatamente como uma vacina.

Como fazer a dieta MIND?

A dieta do mediterrâneo tem como base o consumo de legumes, verduras, pouco gordura saturada e redução drástica de carne vermelha. Confira abaixo alguns ingredientes para começar a realizar a dieta.

Ingredientes: cereais integrais, castanha-do-pará, amêndoa, castanha-de-caju, nozes, pistache, amendoim e macadâmia,  edamame, fava, feijão-branco, feijão-carioca, feijão-preto e feijão-vermelho, acerola, mirtilo, morango, maçã, framboesas, romã, uva; peixes, azeite de Oliva e uma taça de vinho por dia.