Beleza

Adeus botox! Como estimular o colágeno na pele de forma natural?

Os bons hábitos irão refletir no seu rosto

Aumentar el colágeno en la piel es posible con algunas medidas

Estamos acostumados a resolver os problemas da nossa pele de forma tópica, mas tudo mudará quando aprender como estimular o colágeno na pele de forma natural.

Desta forma, economizaremos muitas dores de cabeça causadas pelo envelhecimento e também economizaremos na rotina de cuidados com a pele, algo que sua saúde agradecerá de forma integral pelo impacto no bem-estar geral que isso tem.

Como estimular o colágeno na pele de forma natural?

“O mais importante que você pode fazer pela sua pele é ajudá-la a produzir colágeno, pois assim se previne a flacidez, falta de elasticidade, rugas…”, relata a especialista Carrie Gross à ‘Vogue’.

Recomendados

Uma maneira eficaz de fazer isso é através do uso de peelings com ácidos, que não apenas fazem com que sua pele pareça radiante e sem imperfeições, mas também ajudam a “potencializar a formação de colágeno, produzir densidade na pele, proteger a barreira cutânea e equilibrar o pH”, afirma a especialista, que possui sua própria linha de cuidados com a pele.

Tomar colágeno ajuda a melhorar a pele

A outra maneira de estimular o colágeno na pele de forma natural é através da alimentação e de bons hábitos em geral, que terão impacto na aparência do maior órgão do nosso corpo.

“Alimentos ricos em vitamina C. Morangos, kiwi, limão, laranja, toranja, pêssego, goiaba, groselhas... São muito ricos em vitaminas, que estão relacionadas com a formação de colágeno. De fato, qualquer suplemento de colágeno deve ser acompanhado de vitamina C para melhorar sua eficácia”, afirmam do ‘Hola’.

A carne magra, peixes, laticínios, legumes, aipo, alho, cebola, beterraba, tomate, framboesas ou amoras são outros itens essenciais na sua dieta.

Por último, não podemos esquecer de fazer exercícios específicos de yoga facial, que ajudam a tonificar os músculos da região e a reduzir a presença dos sinais de envelhecimento. De forma geral, faça exercícios cardiovasculares e de força, de duas a três vezes por semana, por pelo menos meia hora.

Tags

Últimas Notícias


LEIA TAMBÉM