Beleza

Acabe com as espinhas com esse creme feito à base de milho

Remova cravos e espinhos sem gastar nada

Mulher branca com unhas pintadas de verde espremendo espinha no rosto

A solução para acabar com espinhas e cravo está mais próxima do que você pensa imagina e é muito econômica e poderosa. Se sua pele apresenta esse incômodo estético, conheça a maneira natural para voltar a ter um rosto de bebê usando o amido de milho ao seu favor.

Julia Forti é especialista em beleza da pele e mostrou como usar o amido de milho para conquistar a pele maravilhosa com receita caseira prática e fácil.

As espinhas são comuns na juventude e, na vida adulta, são resultado de desequilíbrio hormonal e oleosidade demasiada na pele do rosto.

O amido de milho, também conhecido como maisena, irá hidratar a pele do rosto na medida certa evitando excessos e retirar os cravos e espinhas superficiais.

Como usar o amido de milho contra cravos e espinhas

Mulher com acnes no rosto

Ingredientes:

1 colher de amido de milho.

1 colher de sopa de água.

Preparo:

Em um recipiente coloque o amido de milho, também conhecido como maisena, e adicione a água.

Misture os ingredientes até conseguir consistência de pasta na mistura.

Como usar:

Lave seu rosto e remova todas impurezas e resquícios de maquiagem. Depois aplique a mistura em todo o rosto com um pincel de maquiagem bem limpo.

Deixe a mistura agir por 30 minutos.

Nesse tempo a mistura irá secar e sua pele absorverá os nutrientes do amido de milho combatendo cravos e espinhas.

Com a mistura seca, a pele do rosto ficará levemente repuxada como acontece na aplicação de máscaras de argila. Depois de esperar o tempo de ação do amido de milho enxágue bem a pele com água morna.

Com essa rápida, prática e poderosa receita caseira contra as espinhas seu rosto voltará a brilhar beleza incomparável.

· · ·

Aviso

Este texto é de caráter meramente informativo e não tem a intenção de fornecer diagnósticos nem soluções para problemas médicos ou psicológicos. Em caso de dúvida, consulte um especialista antes de começar qualquer tipo de tratamento.

· · ·

Siga e compartilhe

Você gostou deste conteúdo? Então siga a NOVA MULHER nas redes sociais para acompanhar mais novidades e ter acesso a publicações exclusivas: estamos no Twitter, no Instagram e no Facebook.

Aproveite e compartilhe os nossos textos. Seu apoio ajuda a manter este site 100% gratuito. Cada contribuição é muito valiosa para o trabalho da nossa equipe de redatores e jornalistas.

Tags

Últimas Notícias


LEIA TAMBÉM