logo
/ Unsplash
Cabelo 10/06/2021

Queda de cabelo: estas são as vitaminas que previnem o problema

A verdade é que, com o uso de algumas vitaminas, o couro cabeludo fica mais forte — e, assim, evita-se o problema

Por : Redação

A queda dos cabelos é uma situação que preocupa tanto mulheres quanto homens. E a verdade é que, com o uso de algumas vitaminas, o couro cabeludo fica mais forte — e, assim, evita-se o problema.

A queda de cabelo

As causas dessa condição podem ser várias. Porém, de acordo com a revista Vogue (em espanhol), no caso das mulheres é frequentemente desencadeada por:

  • estresse;
  • pós-parto;
  • doenças;
  • distúrbios da tireoide;
  • dietas; e
  • uso de certos medicamentos, incluindo anticoncepcionais.

Especialistas alertam que o produto de confinamento do coronavírus também pode ser um gatilho para o enfraquecimento dos fios.


Leia também

Se você está gostando deste conteúdo, é provável que também se interesse pela mais recente publicação da NOVA MULHER:


As vitaminas contra a queda de cabelo

Felizmente, existem algumas vitaminas que podem ajudar a prevenir a queda de cabelo.

Em entrevista ao jornal El Mundo (em espanhol), a médica Marta Hermosín, do Instituto de Dermatologia Integral de Madrid, disse que as melhores são as do grupo A, C, D e E.

Além disso, a biotina, que faz parte do grupo B7, é bem conhecida para esses fins.

Os minerais também desempenham um papel fundamental e incluem magnésio, enxofre, zinco, cobre e silício.

Além disso, proteínas, selênio, cistina, cálcio, ferro e ácido fólico são excelentes aliados para manter um cabelo saudável e abundante.

Os alimentos que fortalecem o couro cabeludo

Os que apresentam mais benefícios são vegetais verdes, nozes, ovos, trigo, atum, frango, grãos, laticínios, carnes vermelhas, laranja, tangerina e sementes.


⚠️ Atenção: este texto é de caráter meramente informativo e não tem a intenção de fornecer diagnósticos nem soluções para problemas médicos. Em caso de dúvida, consulte um especialista antes de começar um tratamento.


Leia também


Apoie

Compartilhe os textos da NOVA MULHER com os seus amigos através das redes sociais e dos aplicativos de mensagem. O seu apoio ajuda a manter este site 100% gratuito. Cada contribuição é muito valiosa para o trabalho da nossa equipe de jornalistas e redatores.


Siga-nos

Você gostou deste conteúdo? Então siga a NOVA MULHER nas redes sociais para acompanhar mais novidades e ter acesso a publicações exclusivas: estamos no Twitter, no Instagram e no Facebook. Além disso, fazemos parte do Google Notícias: